Vigários forâneos se reúnem com Dom Geraldo em Mariana

07/12/2017 às 14h52

Os vigários forâneos da arquidiocese se reuniram com arcebispo, Dom Geraldo Lyrio Rocha, para tratar os encaminhamentos da 25ª Assembleia Arquidiocesana de Pastoral e do Ano do Laicato na manhã desta quinta-feira (7) no Centro de Pastoral em Mariana. Os vigários episcopais e o coordenador arquidiocesano de pastoral também participaram da conversa.

“Concluída a assembleia diocesana de pastoral ficam colocadas as grandes decisões, as opções, as urgências e os desafios a serem trabalhados. É preciso retomar essas questões, refletir, avaliar e aprofundar sobre elas para colocarmos essas decisões da assembleia em prática. Daí nasci a necessidade deste encontro com os vigários forâneos, juntamente com os vigários episcopais da regiões que integram a arquidiocese. Esta experiência tem dado muito certo e tem gerado um fruto muito concreto da assembleia, fazendo com que a assembleia possa de fato chegar às bases da nossa Igreja particular”, relata Dom Geraldo.

A reunião foi iniciada com uma avaliação da 25ª Assembleia Arquidiocesana de Pastoral realizada nos dias 24 e 25 de novembro no Instituto de Filosofia do Seminário São José. Dom Geraldo ressaltou a maturidade e a seriedade das intervenções dos leigos na Assembleia. Segundo ele, essas colocações só ressaltam a qualificação do laicato da arquidiocese. Pontos como organização e número de participantes desta edição também foram citados e elogiados pelos presentes.

Como trabalhar a pobreza, periferia eleita para 2018 na assembleia, também fez parte da pauta. Os presbíteros apontaram sugestões, que serão apresentadas ao Conselho Arquidiocesano de Pastoral (CAP) em fevereiro de 2018.

Ano do Laicato

O Ano Nacional do Laicato, aberto no encerramento da Assembleia, foi outro ponto de destaque na reunião. A celebração de abertura contou com a presença dos coordenadores paroquiais, que receberam um banner símbolo do Ano.

Na reunião, Dom Geraldo ressaltou que o banner recebido por cada paróquia deve ser um pretexto para as comunidade viverem um momento forte e representativo no Ano do Laicato. “Precisamos trabalhar bem o banner para que ele deixe frutos assim como foi a visita da Imagem Peregrina de Nossa Senhora Aparecida”, acrescenta o arcebispo.

A importância da participação do leigos nas atividades organizadas pelo Conselho do Laicato foram acentuadas pelo coordenador de pastoral, padre Geraldo Martins. O Ano Nacional do Laicato tem como tema “Cristãos leigos e leigas, sujeitos na ‘Igreja em saída’, a serviço do Reino” e lema “Sal da Terra e Luz do Mundo”, Mt 5,13-14. Ele será encerrado no dia 25 de novembro de 2018.


Voltar

Confira também: