Fórum da Criança e do Adolescente é realizado em Congonhas

16/04/2018 às 08h40

O Fórum Intermunicipal da Criança e do Adolescente da Comarca de Congonhas foi realizado na última sexta-feira (13) em Congonhas. A iniciativa, convocada pela juizá, Dra Flávia Generoso de Mattos, e a Pastoral do Menor da Arquidiocese, tem como objetivo organizar a rede de atendimento da criança e adolescente e formular novas políticas para ajudá-las.

O encontro foi assessorado pela coordenadora da Pastoral do Menor, Maria Auxiliadora Costa. “Nós trabalhamos as teorias da criminalidade para situar o grupo no entendimento do que é o processo de criminalização hoje. Na área social nos lidamos com muitos conflitos e para lidar com esses conflitos nós precisamos de alguns conhecimentos específicos. Assim como nós precisamos apurar o nosso olhar com o próximo, nós também precisamos de conhecimentos técnicos para buscar soluções”, afirma Maria Auxiliadora.

Segundo o assessor da Pastoral da Criança, padre Dário Chaves, a articulação está bem dinâmica e gera esperanças. “O Fórum Municipal da Criança e do Adolescente na comarca de Congonhas vai realmente ser um momento histórico para a cidade. A necessidade das políticas públicas ninguém nega que toda cidade precisa. Cada cidade é que realmente, com a sua rede, faz o diagnóstico e percebe qual é a política pública que eles necessitam, por isso o trabalho do Fórum traz frutos. Ele articula a rede da criança e do adolescente, mas propondo a política pública como resposta as necessidades diagnosticadas”, explica padre Dário.

Uma comissão foi montada para levantar os dados e pensar em estratégias para a implementação das políticas públicas. A próxima reunião do Fórum da Criança e do Adolescente em Congonhas será realizada em junho.


Voltar

Confira também: