Encontro das CEBs debate desafios urbanos e evangelização

15/07/2017 às 12h26

As Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) da Arquidiocese de Mariana debatem os desafios do mundo urbano para a evangelização em seu 31º Encontro Arquidiocesano, que começou na noite desta sexta-feira, 14, em Senhora de Oliveira (MG). Acolhidos pelo vigário episcopal da Região Pastoral Mariana Centro, padre José Geraldo de Oliveira, e pelo pároco da cidade, padre Luiz Miguel, os 90 participantes do encontro mostraram muita animação já na abertura do evento, que acontece na Escola Municipal Padre José Ferreira.

Segundo padre José Geraldo, o momento é “de pensar como está a caminhada de nossas Comunidades Eclesiais de Base”. “Este encontro é momento de buscar força e animação maior para motivar nossas comunidades. Sinto que tem havido um desânimo na caminhada de nossas comunidades. Precisamos aprender a viver no mundo novo no qual estamos”, disse o vigário episcopal.

O tema do encontro se inspira no 14º Encontro Intereclesial das CEBs, que será realizado em Londrina (PR), em janeiro de 2018, e discutirá o tema “CEBs e os desafios do mundo urbano”.  “Este nosso encontro é oportunidade de rezar, celebrar e buscar luzes para enfrentar os desafios desse mundo urbanizado”, destacou o assessor arquidiocesano das CEBs, padre José Afonso de Lemos.

O assessor reforçou o protagonismo dos leigos nas Comunidades Eclesiais e falou da necessidade de tornar a Igreja ministerial. “Se o leigo não acreditar nos leigos, não tem jeito. Paróquia não gira em torno de matriz, nem matriz em torno de padre. Há muitos cristãos leigos e padres que estão centralizando a paróquia, numa direção oposta a uma Igreja ministerial”, ponderou. 

Para o coordenador arquidiocesano de pastoral, padre Geraldo Martins Dias, o 31º Encontro Arquidiocesano das CEBs reforça a opção da Arquidiocese de Mariana pelas Comunidades Eclesiais de Base. “Este encontro nos enche de esperança. Ele vem reafirmar esta opção de nossa arquidiocese pelas CEBS. Ele vem dizer que apostamos nas CEBs e sonhamos com que todas as comunidades sejam de fato CEBs”, ressaltou padre Geraldo.

O encontro continua neste sábado com a assessoria da Leci Conceição, que apresentará o tema “CEBs e o mundo urbano”. Já o coordenador arquidiocesano de pastoral vai falar sobre as comunidades eclesiais de base na arquidiocese. As atividades do sábado terminam com a missa às 19h, na igreja de Nossa Senhora da Oliveira. No domingo, os trabalhos serão retomados pela manhã quando os participantes deverão aprovar a carta do encontro. 

 

Colaborou: padre Geraldo Martins

 


Voltar

Confira também: