segunda-feira

, 15 de agosto de 2022

09/06/2020

09 de junho de 2020

Anchieta (☆1534 +1597), o primeiro santo brasileiro, sem ter nascido no Brasil, canonizado pelo papa Francisco, em 2014. Natural das ilhas Canárias/Espanha, veio como missionário jesuíta, com 20 anos de idade, e aqui assimilou a cultura local dos indígenas, sendo seu incondicional defensor. Sal da terra e luz do mundo, temperou e iluminou os ambientes com a catequese, poesia e história, escrita com arte e boas obras. Em tempos difíceis de seca, fome e sede, como na época de Elias, a confiança em Deus pelo profeta, correspondida pela pobre viúva. Preparando o último alimento para si e seu filho, partilha o que tem e é abençoada até os últimos dias de sua vida. O Senhor nos alivia nas horas de aflição, atende nossas preces, preenche de alegria nosso coração, se Nele confiarmos e formos generosos com os que mais padecem. Continuemos a missão de Elias e Anchieta, na defesa dos povos indígenas.

Pe. Geraldo Barbosa 

Agenda

VEJA TAMBÉM