segunda-feira

, 15 de agosto de 2022

24/04/2020

24 de abril de 2020

O Evangelho de João não traz a narrativa da instituição da Eucaristia, mas nele encontramos duas passagens profundas deste mistério de amor: o cap.13 com o Lava-Pés e o testamento do Mandamento Novo e o cap. 6, onde encontramos a partilha/multiplicação dos pães e o tesouro precioso do Pão da Vida. O sistema econômico é vencido pela Boa Nova de Jesus, que contém a pregação, organização do povo, a oferta do pouco que se tem sendo abençoado e partilhado, até a sobra de doze cestos cheios. Quem acredita, que acumulando para distribuir, resolve a fome do mundo, vai aumentar mais ainda a miséria e a carência. Mas quem partilha, com amor e generosidade, faz o Reino de Deus acontecer e expandir-se. Muitas gerações já se passaram e seus feitos deixaram lembranças e recordações, que muitas vezes ficam apenas no passado. Quando o projeto vem de origem humana, é destruído, mas se vem de Deus, ninguém consegue eliminar. Colocar- se em luta contra Deus é causar a própria ruína. Combater com as armas da fé e do amor, mesmo padecendo injúrias e torturas, traz alegria e contentamento ao sofrer por causa do nome de Jesus.

Pe. Geraldo Barbosa

Agenda

VEJA TAMBÉM