terça-feira

, 16 de agosto de 2022

Arquidiocese de Mariana realiza neste domingo (23) a Coleta da Solidariedade

21 de maio de 2021 Arquidiocese

Neste domingo (23), dia em que a Igreja celebra a Solenidade de Pentecostes, a Arquidiocese de Mariana realizará a Coleta da Solidariedade. Tradicionalmente, a arrecadação ocorre no Domingo de Ramos. Entretanto, foi adiada neste ano em razão da Semana Santa ter sido realizada de forma restrita, sem a presença dos fiéis.

Em carta enviada aos párocos e administradores paroquiais, o Arcebispo Metropolitano de Mariana, Dom Airton José dos Santos, explica que se alguma paróquia não conseguir realizar a coleta neste fim de semana, poderá realizá-la até a Solenidade da Santíssima Trindade, em 30 de maio. “A solenidade de Pentecostes nos inspira pois, com a vigília, no sábado, 22 de maio, e a Solenidade no dia 23 de maio, encerramos a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos (SOUC). Será muito significativa a coleta ser realizada nestes dois dias”, afirma. 

Sobre a Coleta da Solidariedade

Aprovada pelos bispos do Brasil desde 1964, a Coleta da Solidariedade é a tradução da caridade na quaresma por meio do gesto concreto de doações dos fiéis na coleta do Domingo de Ramos de cada comunidade e paróquia.

Os recursos arrecadados integram os Fundos (Arqui)Diocesanos e Nacional de Solidariedade que têm o papel de apoiar iniciativas que promovem a vida e a caridade em todo país. Do total arrecadado, 60% fica na própria (Arqui)Diocese e é gerido pelo Fundo (Arqui)Diocesano de Solidariedade que tem como objetivo apoiar iniciativas e projetos locais. Os outros 40% compõem o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS), que é administrado pelo Departamento Social da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), sob a orientação do Conselho Gestor da CNBB.

Edital da FNS 2021

Na última terça-feira (18), a CNBB lançou o edital do Fundo Nacional de Solidariedade (FNS). Neste ano, para serem contemplados pelo FNS, os projetos e ações sociais devem estar relacionados a questões emergenciais ligadas à segurança alimentar, geração de renda e à prevenção da pandemia.

Com informações da CNBB

Veja mais sobre o assunto em: 

Coletas da Solidariedade e a para os lugares santos são adiadas na Arquidiocese de Mariana

Conheça o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS), criado com recursos das Campanhas da Fraternidade

Lançado o edital do FNS 2021; podem se inscrever projetos ligados à fome e aos cuidados sanitários na pandemia

Agenda