terça-feira

, 03 de agosto de 2021

Carta Compromisso do II Seminário Arquidiocesano do Laicato

12 de março de 2018

Nós cristãos leigos e leigas, sujeitos eclesiais na “Igreja em Saída”, a serviço do Reino, reunidos em Carandaí,Região Pastoral Mariana Sul, entre dias 09 a 11 de Março de 2018, por ocasião do II Seminário Arquidiocesano do Laicato, iluminados e impulsionados pelo convite de Jesus Cristo em Mt.5 ,13-14 para sermos “ Sal da Terra e Luz do Mundo”.

Como Igreja, povo de Deus, desejamos neste ano do Laicato celebrar nossa presença nas comunidades, aprofundando nossa santidade, vocação, espiritualidade e missão no testemunho de Cristo e no anuncio de seu Reino, na Igreja e na Sociedade,

No espírito do serviço, refletindo sobre os areópagos modernos, desejamos:

  • Reestruturar e ativar a Pastoral da Comunicação,dinamizando de modo a se apropriar das diversas tecnologias, levando em consideração as especificidades de cada meio e das Paróquias, articulando a Pascom com a demais pastorais, envolvendo a Juventude.
  • Trabalhar a Pastoral Orgânica sendo uma igreja em saída, promovendo visitação às famílias, criando representantes das paróquias,unindo pastorais e movimentos.
  • Criar espaços para aprofundar discussões sobre temas polêmicos, presentes em nossas comunidades, como questões de gênero e orientação sexual, aborto , sistema político e fé e ciência e outros.
  • Ser cristãos corajosos, perseverantes no diálogo em comunidade, não sendo omissos, atuando nas pastorais sociais, multiplicando a espiritualidade e a cultura da paz.
  • Trabalhar para que a ação pastoral da Igreja incentive a cooperação e que ampare o trabalhador superando opressão e a desvalorização do mesmo, incentivando a dimensão sócio política nas paróquias.
  • Ter um olhar, mais atento e cuidadoso para com a casa comum, nossa mãe Terra praticando os 5Rs (repensar, recusar, reduzir, reutilizar e reciclar).Cobrar e incentivar a implementação do Plano Municipal de Saneamento Básico, participando efetivamente junto aos órgãos ambientais para a promoção da defesa da vida.
  • Promover a articulação entre os movimentos e pastorais juvenis,respeitando a escolha de cada um, e com coragem assumir a missão e o compromisso de leigo protagonista com o diálogo, humildade e ousadia.
  • Como trabalhadores da vinha do Senhor, reafirmamos nosso desejo de viver a plena comunhão com a Igreja em nossa vida e nossa missão.

Que a visita do estandarte da Sagrada Família de Nazaré em nossas comunidades possa nos inspirar a viver com alegria como trabalhadores da vinha do Senhor ( Mt.20,1-16). Contando com as bênçãos de Deus, e a intercessão da Virgem Maria, no espírito do serviço, com verdadeiro ardor missionário, voltamos para nossas comunidades com desejo de fazer ecoar, nossa voz.

 

Carandaí, 11 de Março de 2018

VEJA TAMBÉM