sexta-feira

, 19 de agosto de 2022

Carta compromisso é aprovada pelos participantes do Fórum Social

29 de setembro de 2019 Arquidiocese

A carta compromisso do 7° Fórum Social pela Vida foi aprovada pelos participantes na noite desse sábado (28), em Barão de Cocais. O documento é composto por uma apresentação geral do encontro e por propostas de ações apresentadas pelos seis  eixos temáticos.

“A carta compromisso recebeu por unanimidade dos delegados deste fórum, vindos das várias cidades, regiões e foranias de nossa arquidiocese e da Província Eclesiástica de Mariana, a aprovação. Como a carta é um documento oficial da arquidiocese, ela precisa receber a aprovação do arcebispo. A carta será entregue a Dom Airton para que ele possa, em nome da arquidiocese, oficializar”, afirmou padre Marcelo Santiago.

O presbítero explicou que as diretrizes da carta serão trabalhadas em toda a arquidiocese e que a comissão permanente do Fórum Social será responsável por acompanhar os próximos passos. “As diretrizes da carta compromisso e todo o material construído, votado e assumido, a partir dos eixos, irá fazer parte dos trabalhos da Comissão Permanente do Fórum Social pela Vida na arquidiocese de Mariana. Essa comissão é formada por pessoas da Dimensão Sociopolítica e de pessoas escolhidas pelos eixos temáticos. Nos próximos três anos, eles irão acompanhar e dar encaminhamento nas propostas”, disse padre Marcelo.

“Não basta só a preparação do Fórum, o acontecimento do Fórum, apesar de toda a sua riqueza, é preciso que as propostas sejam encaminhadas. Não é a Comissão Arquidiocesana para o Fórum Social pela Vida sozinha que vai articular isso. Ela será um instrumento, que vai se somando as articulações diocesanas, para que nos espaços da vida da arquidiocese nós possamos implementar essas decisões”, acrescentou.

Padre Marcelo finalizou dizendo que o Fórum é saudado como um evento muito positivo. “Através dele vai crescendo na arquidiocese a consciência de ligar fé e vida, de assumir os trabalhos da dimensão social e transformadora da Igreja, que nós celebramos na arquidiocese com o nome de Dimensão Sociopolítica”, disse.

Leia também: Fórum Social: Carta de intenções é aprovada em encontro com autoridades

Agenda