quinta-feira

, 13 de junho de 2024

Coordenação da Dimensão Sociopolítica da Região Mariana Sul se reúne com agentes da Pastoral Afro-Brasileira do regional

29 de setembro de 2023 Arquidiocese

Seguindo o cronograma de estudo e conhecimento das pastorais sociais da região, a Assessora da Dimensão Sociopolítica na Região Mariana Sul, Irmã Arlene Simões, se reuniu na última segunda-feira, 25 de setembro, com representantes da Pastoral Afro-Brasileira do regional.

Realizada de modo híbrido, com alguns participantes presencialmente no Centro de Pastoral Regional, o primeiro contato da nova coordenação, que em fevereiro de 2023, com a pastoral foi avaliado pelos participantes com muito produtivo.

Representando os coordenadores da Dimensão Sociopolítica, Irmã Arlene promoveu um bate-papo descontraído para que todos os presentes pudessem relatar seu trabalho na pastoral atualmente, bem como as indagações quanto ao futuro da Pastoral na região.

Atualmente, a Pastoral Afro-Brasileira é estruturada na Paróquia Sant’Ana, em Carandaí (MG), com coordenação colegiada, conforme informado por Maria Imaculada de Oliveira Nascimento. Porém, não são somente os membros da Paróquia Sant’Ana que participam, mas também pessoas envolvidas com os trabalhos que a Pastoral propõe, mesmo que ainda sem representar uma paróquia específica.

O intuito era conhecer e reconhecer propostas, visando auxílio na organização e metodologia dos trabalhos pastorais. Sendo assim representantes das cidades de Ibertioga e Barbacena foram ouvidos e se declaram à disposição para iniciarem como agentes da Pastoral.

Erick Teixeira de Assis, ex-coordenador da Dimensão Sociopolítica da Região e atual vice coordenador da Dimensão na Paróquia Bom Pastor, em Barbacena, ressaltou a importância de não desanimar mesmo diante de adversidades. Ele ainda pontou que o trabalho da pastoral já vem se desenvolvendo há mais tempo, com pesquisa e cadastro de bandas de congado e trabalhos junto as paróquias para conscientização da importância da influência africana na religião.

Na oportunidade, Maria Imaculada demonstrou seu contentamento em ser convidada a participar com a coordenação. “Foi o primeiro sinal mais significativo da Igreja para com a Pastoral Afro-Brasileira, aqui na nossa Região Mariana Sul. Despertou-me um sentimento de fraternidade”, disse.

A Pastoral Afro-Brasileira é assessorada na região por Padre José Julião Silva, pároco de Sant’Ana, em Carandaí. Iniciou-se a partir do 6º Fórum Social pela Vida, que aconteceu em Conselheiro Lafaiete, e está em busca de crescimento para as demais 32 paróquias que compõe a Região.

Texto e foto: Ana Paula Mendes dos Santos