terça-feira

, 18 de janeiro de 2022

Dom Airton envia mensagem de solidariedade e motiva campanha em prol dos atingidos pelas fortes chuvas

11 de janeiro de 2022

O Arcebispo Metropolitano de Mariana, Dom Airton José dos Santos, enviou nesta terça-feira, 11 de janeiro, uma mensagem às forças vivas da Arquidiocese de Mariana:  sacerdotes, diáconos, membros dos institutos de vida consagrada e das sociedades de vida apostólica, pastorais, organismos e associações. No texto, Dom Airton presta solidariedade às pessoas atingidas pelas fortes chuvas, especialmente, nas cidades que compõem o território da Arquidiocese de Mariana, e convida todos a exercitarem a proximidade e caridade para com os mais que mais sofrem. 

Leia a mensagem na íntegra abaixo:

 

Mensagem do Arcebispo, DOM AIRTON JOSÉ DOS SANTOS,

a todos os fiéis e pessoas de boa vontade,

para o início do Ano de 2022.

 

A todos os fiéis da Arquidiocese de Mariana,

Sacerdotes, Diáconos, membros dos Institutos de Vida Consagrada e das Sociedades de Vida Apostólica,

Pastorais, Organismos, Associações e todas as forças vivas de nossa Igreja Particular, Saudação, Paz e Bênção, no Senhor nosso, Jesus Cristo!

 

Iniciamos um novo ano civil e com ele, como acontece neste período, um enfrentamento de situações calamitosas que são consequências das fortes chuvas.

É tempo propício para abrir nossas mentes e nossos corações, e exercitar nossa solidariedade e proximidade para com os que mais sofrem. São pessoas, famílias, bairros e cidades que vivem momentos de tristeza e dor pelo falecimento e desaparecimento de entes queridos e de pessoas conhecidas; pela perda de seus poucos bens, das condições de sobrevivência e, às vezes, da esperança no futuro de suas vidas.

Neste momento, é hora de vivermos da e pela Fé, pois ela abre nosso horizonte, transforma nossas vidas e nos faz encontrar nos irmãos que padecem, no corpo e na alma, o Rosto de Cristo sofredor. Não somos os últimos da terra e nem os que mais sofrem; atrás de nós, ao nosso lado, convivendo conosco existem irmãos mais sofredores que nós. É tempo de conversão, de olharmos para aqueles que foram derrubados e estão à beira do caminho da vida e precisam de nós (cf. Lc 10,33-37). Não existe ninguém com tão pouco que não possa nada oferecer e não existe ninguém que possua tudo que nada precise receber!

Em nossa Arquidiocese, formada por 79 municípios, nos quais estão distribuídas 136 Paróquias, cada uma delas com suas Comunidades, que são tantas, vamos realizar nosso testemunho de que é nosso Serviço da Caridade, baseados no óbolo da viúva do Evangelho (cf. Mc 12,41-44) saibamos dar, com amor, a quem não tem, do pouco que temos, pois quem com generosidade de coração, ajunta tesouros para si diante de Deus, que nos concede tudo que precisamos para nossas vidas.

Além da coleta de gêneros alimentícios e de todo material para necessidades básicas, os que puderem poderão ajudar na campanha que iremos chamar de “óbolo da viúva”. Cada pessoa deve ajudar conforme inspira seu coração, com a quantia que puder, para minimizar o sofrimento das famílias mais atingidas. Também vamos organizar uma coleta da solidariedade nas Missas deste próximo final de semana, dias 15 e 16 de janeiro, para reforçar nossa partilha. Para possibilitar que o maior número de pessoas participe, os que se sentirem impulsionados e desejarem fazer parte desta corrente de solidariedade, poderão fazê-lo, também, através de depósito em conta bancária: BANCO DO BRASIL: 001 AGÊNCIA 2279-9, CONTA CORRENTE 18.564-7, CNPJ: 16.855.611/0001-51.

 

ATENÇÃO:

A coleta do solidariedade, dos dois 15 e 16,

deve ser depositada na mesma conta bancária acima.

 

Com esta mensagem, a todos os atingidos pelas consequências das fortes chuvas, queremos fazer chegar a todos, inclusive aos gestores públicos, particularmente aos Exmos. Srs. Prefeitos municipais e todas as pessoas de boa vontade, nossa proximidade e nosso apoio, através de nossos Padres, Diáconos e fiéis leigos que participam de nossa solicitude para com os que mais necessitam, em suas Paróquias, com suas Comunidades, onde os desafios, destas intempéries, são mais sentidos e onde, certamente, estarão atentos para ajudar no que for preciso e possível.

Nossa CÁRITAS ARQUIDIOŒSANA também estará atenta e à disposição das Paróquias e Comunidades que mais necessitam de apoio, através do Diác. TANUS, responsável pelo SERVIÇO DA CARIDADE em nossa Arquidiocese. Por isso, peço aos rocos e Administradores paroquiais que verifiquem, em suas respectivas Paróquias, com suas Comunidades, as necessidades e a ajuda concreta que se pode oferecer, informando a Cáritas Arquidiocesana e o Serviço da Caridade.

Por fim, exorto a todos, especialmente aos Sacerdotes, Párocos e Administradores paroquiais, a que se adiantem em oferecer ajuda a quem dela precisar e a estarem juntos do nosso povo que sofre neste início de ano. Que o nosso “feliz Ano Novo”, seja testemunho da Luz que é Cristo, que nos veio no Natal, e quer estar conosco cada dia deste ano! Assim, queridos filhos, “…Agora e em todos os tempos, Ele vem ao nosso encontro, presente em cada pessoa humana, para que o acolhamos na e O testemunhemos no caridade, enquanto esperamos a feliz realização de Seu Reino…” (Prefácio do Advento, IA, Cristo, Senhor e Juiz da História, Missal Romano, p. 407).

Que a intercessão de Nossa Senhora da Assunção e de São José, nossos Padroeiros, nos fortaleçam para darmos testemunho de nossa e para levarmos a esperança a todos os que sofrem.

Com uma bênção especial! 

Dom Airton José dos Santos

Arcebispo Metropolitano de Mariana

 

BAIXE AQUI O PDF DA MENSAGEM DE DOM AIRTON

 

VEJA TAMBÉM