sexta-feira

, 19 de julho de 2024

Escola de Formação do Movimento de Cursilhos de Cristandade reúne 60 pessoas em Congonhas

21 de junho de 2024 Arquidiocese

A Casa de Retiro Bom Jesus, em Congonhas (MG), sediou nos dias 15 e 16 de junho, a Escola de Formação do Movimento de Cursilhos de Cristandade (MCC), promovida pelo Grupo Executivo Diocesano (GED) de Mariana.

Com a participação de 60 cursilhistas, de várias cidades que compõe o GED Mariana, o encontro teve como objetivo motivar, conhecer e aprender realizar as atividades do movimento nos Cursilhos.

“Foram momentos de muita reflexão, espiritualidade e aprendizagem, pois a avaliação realizada pelos participantes foi bastante positiva”, ponderou a Coordenadora Arquidiocesana do Cursilhos, Edna Flisch.

Na avaliação do participante Daniel Flisch, de Barbacena (MG), “o curso de formação de mensageiros promovido pelo GED Mariana nos proporcionou uma visão mais ampla da metodologia do Cursilho, da sistemática das mensagens e, principalmente, forneceu técnicas para aprimorar a apresentação das mensagens do MCC, ensinando os pontos principais que elas devem apresentar para atingir seu objetivo”.

Segundo José Roberto de Almeida, também de Barbacena, a formação foi um momento muito forte de crescimento espiritual e motivacional. “Foi uma oportunidade que tivemos de discutir o ‘ver’ das dificuldades existentes nos setores da Arquidiocese de Mariana, o que promove uma diminuição do entusiasmo e ardor dos Cursilhistas na caminhada da evangelização dos ambientes”, disse.

“Com os temas abordados tivemos subsídios para fazer o julgar das dificuldades e, consequentemente, traçar de maneira mais consistente as ações necessárias para a revitalização do MCC”, explicou José Roberto.

Para Cristina Sueli dos Santos, de Viçosa (MG), a Escola de Formação superou todas as suas expectativas. “Trouxe-me um encantamento maior ainda por esse Movimento. Senti que oração e ação caminham juntas. Que as mensagens têm uma sequência didática perfeita e o método Ver, Julgar e Agir (discernir) é o caminho que devemos percorrer para efetivar a evangelização nos ambientes”, afirmou.

Outro ponto também destacado por Cristina foi o tema desenvolvido durante o encontro. “Além de enriquecer espiritualmente, preparou de maneira prática a elaboração de mensagens para sermos os futuros mensageiros”, considerou.   “Finalmente, posso afirmar que ‘todos juntos na mesma estrada’ é um caminho Sinodal que o MCC desenvolve de forma notável. Parabéns aos dirigentes e formadores!”, concluiu a cursilhista de Viçosa.

As atividades foram encerradas com a celebração da Santa Missa presidida pelo Padre Waldir da Paixão Silva, seguida do almoço.

Texto: Edna Flisch
Foto: Daniel Flisch

Veja também:

Movimento de Cursilhos abre inscrições para primeiro retiro misto