sexta-feira

, 30 de julho de 2021

Estudo da CNBB pretende contribuir para a animação Bíblica e Pastoral da Igreja no Brasil

15 de julho de 2021

O subsídio “E a Palavra habitou entre nós” (Jo 1,14): Animação Bíblica da Pastoral a partir das comunidades eclesiais missionárias, aprovado pela 58ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), pretende contribuir para a Animação Bíblica e Pastoral da Igreja no Brasil, de modo que a relação pessoal com a Palavra de Deus seja aprofundada e sustente pessoas, grupos e comunidades em missão.

O Estudo de número 114 da CNBB é o resultado do esforço de uma comissão de bispos e assessores, cujo trabalho se inseriu em uma ampla escuta de catequistas, biblistas, pastoralistas e comissões pastorais em âmbito nacional, no anseio de estimular a Animação Bíblica da Pastoral e incentivar todas as forças evangelizadoras para que a Palavra de Deus esteja ainda mais na vida das pessoas, nutrindo-as e fortalecendo-as no anúncio do Reino.

As indicações apresentadas querem ser o ponto de partida para um rico processo de atuação da Igreja no Brasil, processo que certamente ultrapassará o período de vigência das atuais Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE), recordando que o amor à Palavra de Deus e o compromisso missionário nunca se extinguem.

Apresentação da obra

Em live realizada pela Editora da CNBB, a Edições CNBB, convidados debateram sobre a inspiração bíblica presente na obra, bem como os desafios e terrenos que pode-se e deve-se semear a Palavra de Deus que habita entre nós.

Dom Joel Portella Amado, bispo auxiliar do Rio de Janeiro (RJ) e secretário-geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), teve um imenso trabalho ao realizar revisões, reunir sugestões e escrever a introdução deste documento.

Na ocasião, dom Joel enfatizou que o Estudo é eminentemente pastoral, e discorreu sobre o último capítulo do livro, onde é abordado de modo mais detalhado, o agir da Animação Bíblica da Pastoral, confira:

Texto e imagem: CNBB

Leia aqui outras notícias da Igreja no Brasil e no Mundo

VEJA TAMBÉM