sábado

, 18 de setembro de 2021

Há 90 anos, Nossa Senhora Aparecida era proclamada padroeira do Brasil

31 de maio de 2021

Há 90 anos, no dia 31 de maio de 1931Nossa Senhora Aparecida foi proclamada Rainha e Padroeira de todos os brasileiros. Para recordar esse momento tão importante para os devotos e para o Brasil, listamos algumas curiosidades sobre o porquê do título e como foram as comemorações realizadas na época.

Confira:

  • A proposta de pedir para a Santa Sé, a proclamação de Nossa Senhora Aparecida como Padroeira do Brasil aconteceu em setembro de 1929.  O Cardeal Dom Sebastião Leme da Silveira Cintra, arcebispo do Rio de Janeiro e o reitor do Santuário, Padre Antão Jorge Hechenblaickner apresentaram aos bispos presentes no Congresso Mariano, que foi realizado em Aparecida;
  • Em julho de 1930, a declaração do título foi concedida pelo papa Pio XI. No final de 1930, Dom Sebastião Leme tomou a iniciativa de realizar uma festa para a proclamação de Nossa Senhora Aparecida como Padroeira do Brasil;
  • festa em comemoração pelo título foi celebrada de forma intensa no Rio de Janeiro, na época capital federal do Brasil. Foram programadas atividades festivas de 17 a 24 de maio nas paróquias e de 24 a 31 de maio, nas dioceses. O grande dia estava marcado para 31 de maio;
  • Na noite do dia 30 de maio, a imagem seguiu de Aparecida para o Rio de Janeiro nas mãos do Arcebispo de São Paulo, Dom Duarte Leopoldo e Silva. A viagem foi de trem, onde um dos vagões foi transformado em capela para Nossa Senhora Aparecida;
  • Acompanhando a imagem estavam os missionários redentoristas: padre Francisco Wand, Oto Mari, Antonio Andrade, Antonio Macedo e o irmão Carlos;
  • Essa foi a primeira vez que a imagem de Aparecida saiu da sua cidade;
  • No dia 31, o clero e muitos fiéis recepcionaram a imagem às 7h30, na estação D. Pedro II, no Rio de Janeiro, atual Central do Brasil. Ela foi levada em carreata até a igreja de São Francisco de Paula, para uma missa campal;
  • Após a missa aconteceu um cortejo pelas ruas do Rio de Janeiro, até a Catedral Metropolitana. Dali saiu em procissão com crianças, integrantes das Ligas Católicas, Filhas de Maria e as Congregações Marianas, entre outras associações. Em todo o percurso a Imagem de Nossa Senhora Aparecida foi saudada por uma multidão de pessoas;
  • A Consagração Solene de Nossa Senhora Aparecida como Padroeira do Brasil aconteceu na Esplanada do Castelo, na Baía de Guanabara. Entre os participantes da celebração estavam: o presidente do Brasil, Getúlio Vargas, o ministro Oswaldo Aranha, o núncio apostólico Dom Aloísio Masella, o arcebispo de São Paulo, Dom Duarte Leopoldo e Silva, Arcebispo de São Sebastião do Rio de Janeiro, o Cardeal Dom Sebastião Leme;
  • Na cerimônia, Dom Sebastião Leme fez o solene ato da proclamação de Nossa Senhora Aparecida, como Padroeira do Brasil:

“Senhora Aparecida, o Brasil é vosso!

Rainha do Brasil, abençoai a nossa gente

Nossa Senhora da Conceição, tende compaixão do vosso povo

Protegei as criancinhas!

Guiai a mocidade!

Guardai a família!

Esclarecei o nosso governo!

Salvação para a nossa pátria!

Senhora Aparecida, o Brasil vos ama, o Brasil em vós confia!

Senhora Aparecida, o Brasil vos aclama!

Salve Rainha!”

 

Fontes da pesquisa: CDM – Centro de Documentação e Memória Pe. Antão Jorge, CSsR – Santuário Nacional
‘Senhora Aparecida: Romeiros e Missionários Redentoristas na História da Padroeira do Brasil’ – Tereza Galvão Pazin
‘Mãe Aparecida no Brasil – História, Devoção e Missão’ – José Mauro Maciel
‘Aparecida – Devoção Mariana e a Imagem Padroeira do Brasil’ – Jose Cordeiro / João Rangel / Denílson Luís

Texto: Marília Ribeiro – Portal A12

Imagem: Portal A12 

Leia outras notícias da Igreja no Brasil e no Mundo

 

 

Agenda

VEJA TAMBÉM