sexta-feira

, 19 de julho de 2024

Missa de envio da imagem peregrina reúne centenas de fiéis, em Mariana

08 de julho de 2024

Na manhã deste domingo, 7 de julho, foi realizada a Santa Missa de envio da imagem peregrina do Sagrado Coração de Jesus, na Praça Cláudio Manoel, em Mariana (MG). A celebração foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Mariana, Dom Airton José dos Santos, e contou com a presença de centenas de fiéis.

Iniciando-se por volta das 10h40, a solenidade marcou o começo da peregrinação da imagem, que percorrerá as 137 paróquias da Arquidiocese. A data do evento foi escolhida pela ocasião dos 149 anos de falecimento do Venerável Dom Viçoso, iniciando as solenidades pelo 150° aniversário de sua morte.

O dia também foi marcado pelo Encontro Arquidiocesano do Apostolado da Oração que, anualmente, ocorre em Conselheiro Lafaiete (MG). Com cerca de 1200 inscrições, este ano foi escolhido a sede da Arquidiocese, no contexto do festejo dos 150 anos de consagração, desta Igreja Particular, ao Sagrado Coração de Jesus, feita por Dom Viçoso, em 1874.  

Vidas dedicadas a Igreja

O Santo Evangelho de São Marcos (Mc 6, 1-6) foi proclamado pelo Vigário Paroquial da Paróquia Nossa Senhora da Assunção, em Mariana (MG), Monsenhor Celso Murilo Souza Reis. 

Em sua homilia, Dom Airton afirmou que a liturgia do dia nos inspira a sermos peregrinos para levarmos Jesus Cristo aos outros. Ao lado do altar, o prelado apresentou aos presentes, a imagem peregrina do Sagrado Coração de Jesus, a imagem dos Três Sagrados Corações e a cruz de Dom Viçoso. 

Expressando a preciosidade da relíquia deixada pelo seu antecessor, o eclesiástico explicou sobre o caminho da santidade em que algumas figuras locais estão passando até se tornar santos. 

“[A cruz] É um sinal daquele homem [Dom Viçoso] que hoje já é Venerável, daqui a pouco beato, e depois santo. É um bispo que deu a sua vida por esta Igreja Particular de Mariana, assim como Dom Luciano, temos homens e mulheres que deram a sua vida por esta Igreja. […] Precisamos nos espelhar nos nossos padroeiros, nos nossos santos, nos nossos beatos”, reiterou o Arcebispo.

Imagem dos Três Sagrados Corações e imagem peregrina ao lado da cruz e quadro do Venerável Dom Viçoso.

Refletindo sobre o Evangelho, Dom Airton contou que Deus age em nossas fraquezas, e até nossas forças são providas pelo Senhor.

“Somos discípulos de Cristo, templo de Deus, morada de Deus, então não somos fracos. Humanamente somos fracos, mas é nessa fraqueza humana que Deus realiza as maravilhas que Ele quer. A nossa força não vem de nós mesmos, nós somos fortes em Deus, é Ele que nos dá força”, enfatiza o prelado.

Seguindo os ritos, o momento da comunhão teve uma duração consideravelmente maior, devido a numerosa presença dos fiéis. A celebração não estava somente sendo acompanhada da praça, mas também das ruas laterais ao evento, e de dentro da Catedral Basílica.

Após a Santa Eucaristia, em uma só voz e em profunda fé, todos que ali estavam rezaram a Ladainha do Sagrado Coração de Jesus, em seguida o Ato de desagravo ao Sagrado Coração de Jesus e a Oração pela beatificação do Venerável Dom Viçoso. 

Ao final da missa solene, Dom Airton concedeu a benção com a cruz de Dom Viçoso, e retornou, em procissão, para a Catedral Basílica Nossa Senhora da Assunção. Ao longo do caminho, o prelado foi parado por diversas vezes por crianças e devotos que desejavam tirar fotos e receber bênçãos do Arcebispo.

Em contato com o sagrado

Após o momento oracional e a dinâmica dos corações, conduzidos pelo Padre Geraldo Dias Buziani, os devotos puderam tocar na cruz e visitar o túmulo do 7º Bispo de Mariana, que fica na cripta da Catedral da Sé. 

Devotos em visita à cripta da Catedral Basílica Nossa senhora da Assunção.

Olivia Moreira da Costa Lopes, da Paróquia Nossa Senhora Conceição, em Porto Firme (MG), manifestou ser uma imensa alegria estar pela primeira vez em Mariana (MG) nesta celebração.

“É uma imensa alegria estar aqui, eu nem conhecia. E hoje estou aqui com a imagem peregrina do Sagrado Coração de Jesus, trazendo muitas graças, muitas bênçãos. É uma alegria muito grande estar aqui com todos”, expressou a integrante do Apostolado da Oração.

Maria das Graças Rezende Silva, da Paróquia São João Batista, em Conselheiro Lafaiete (MG), disse que este foi um dia muito santo na Arquidiocese. Ainda na oportunidade, ela declarou que depois da solenidade se sente com sua fé fortalecida e mais próxima de Deus. 

Em entrevista para o Departamento Arquidiocesano de Comunicação (Dacom), o Pároco da Paróquia Sagrado Coração e Jesus, em Conselheiro Lafaiete (MG), Padre Euder Daniane Canuto Monteiro, relatou ser um momento de muita expressão, emoção e fé. O presbítero expôs o seu carinho com a história da Arquidiocese de Mariana.

“Estar ali diante do quadro de Dom Viçoso, diante da imagem do Coração de Jesus, diante da cruz utilizada por Dom Viçoso, enquanto bispo na nossa Arquidiocese, me inspira sempre mais, e acredito que inspirará a todos o desejo de servirmos de coração, ao Coração de Jesus, em toda a nossa Arquidiocese, para o bem da Igreja e para o bem de todos”, destaca o sacerdote.

A programação do dia seguiu com o almoço às 12h, e a procissão com a imagem peregrina trilhando as ruas da primaz de Minas, até a Igreja Nossa Senhora do Carmo, na Praça Minas Gerais. Encerrando o dia, foi cantado o Te Deum, no templo.

Texto: Paulo César Gouvêa/Arquidiocese de Mariana
Fotos: Paulo César Gouvêa/Arquidiocese de Mariana e Pascom Catedral

VEJA TAMBÉM