segunda-feira

, 04 de março de 2024

Monsenhor Enzo dos Santos é empossado como Vigário Geral da Arquidiocese de Mariana

05 de janeiro de 2024 Arquidiocese

Após ser nomeado na quarta-feira, 3 de janeiro, como o novo Vigário Geral da Arquidiocese, o Monsenhor Enzo dos Santos foi empossado para o ofício na manhã desta quinta-feira, dia 4. A cerimônia foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano, Dom Airton José dos Santos, na sede da Cúria Metropolitana, em Mariana (MG).

Além dos colaboradores da Arquidiocese, também estiveram presentes o Vigário Geral para o Clero, Monsenhor Danival Milagres Coelho, e o Vigário Judicial do Tribunal Eclesiástico, Monsenhor Roberto Natali Starlino.

Durante a cerimônia de posse canônica, Dom Airton explicou que Monsenhor é um título honorífico concedido àqueles que exercem determinados ofícios na Igreja, como o de Vigário Geral. Dessa forma, Padre Enzo dos Santos, com sua nomeação e posse, é chamado por essa honraria. Na oportunidade, o Arcebispo Metropolitano também destacou que “na Igreja, a pessoa não toma posse das coisas, mas do trabalho”.

Seguindo o rito de posse, o novo Vigário Geral realizou a profissão de fé, conforme orienta a Doutrina da Igreja, bem como realizou o juramento de fidelidade em razão do ofício, comprometendo-se em exercer seu trabalho com zelo e responsabilidade. Em seguida, Monsenhor Danival leu o decreto de nomeação.

Monsenhor Danival realizou a leitura do decreto de nomeação do novo Vigário Geral da Arquidiocese.

Para Monsenhor Enzo, “assumir a função de Vigário Geral traz o peso da responsabilidade, mas também a tranquilidade de saber que nosso Arcebispo, Dom Airton, confia na minha capacidade de desempenhar a missão que me foi confiada”.

Antes de sua nomeação para esse ofício, por quase dez anos, ele atuou como Chanceler da Arquidiocese de Mariana. Na função anterior, desempenhou o papel de notário e secretário da Cúria, sendo responsável por preparar provisões, decretos, portarias, atas, processos de ordenações, documentos sacerdotais, consultas e despachar os atos do Arcebispo.

Diante da mudança, Monsenhor Enzo afirma estar aberto para o novo. “É sempre um desafio sair da zona de conforto, daquilo que conhecemos e ao qual nos habituamos. Certamente, será um tempo de descoberta e aprendizado, que vou fazer contando com a graça de Deus e com a ajuda de todos”, assegurou.

O rito de posse inclui a realização do juramento diante da Bíblia.

O que é um Vigário Geral?

O Vigário Geral é o sacerdote constituído pelo bispo diocesano, com poder ordinário, conforme o Código de Direito Canônico, para ajudá-lo no governo da diocese. De acordo com Dom Airton, o Vigário Geral, em sua ausência, é quem responde pela Igreja Particular de Mariana, além de conduzir algumas reuniões e “cuidar para que na Cúria e na Arquidiocese se produza mais relacionamentos de comunhão e proximidade”.

“É um pouco difícil dizer, de modo mais detalhado, o que espero fazer, mas, como é sempre colocado nos decretos de nomeações, no exercício deste múnus, em sintonia com o Arcebispo e as demais instâncias arquidiocesanas, trabalhar em tudo aquilo que me inspirar o reto zelo sacerdotal, em vista da edificação do Povo de Deus”, declarou Monsenhor Enzo sobre as expectativas ao assumir essa nova missão.

Dom Airton presidiu a cerimônia de posse.

Segundo o Código de Direito Canônico, o Vigário Geral deve ser somente um, entretanto, dependendo da extensão territorial, número de habitantes ou outra razão especial, poderá haver mais de um, como na Arquidiocese de Mariana que há um Vigário Geral para o Clero. Além disso, cada uma das cinco regiões pastorais há também um Vigário Episcopal.

“Os dois [Monsenhor Enzo e Monsenhor Danival], então, evidentemente, vão estar juntos com os Vigários Episcopais para promover essa busca comum de toda Arquidiocese, de viver como uma Igreja aqui, nessa região, seja na ação pastoral, seja nas orientações, seja na busca de soluções para os conflitos e as dificuldades próprias da pastoral”, destacou Dom Airton.

Para Monsenhor Danival, será uma alegria atuar com o Monsenhor Enzo, devido a uma relação de amizade e convivência. “É motivo de alegria e de esperança para nossa Arquidiocese ter a presença do Padre Enzo porque ele não é pároco, então, vai poder dedicar ainda mais a esta missão, já com a sua presença constante aqui na Cúria”, disse sobre a nomeação. “Que Deus abençoe a missão dele e que ele possa confiar na graça de Deus, que não falta quando a Igreja nos confia uma missão que tem os seus desafios”, completou.

Antes dessa nomeação, o Vigário Geral da Arquidiocese era o Padre Luiz Antônio Reis Costa, que renunciou ao ofício por razões pessoais. Conforme o decreto de nomeação de Monsenhor Enzo, ele desempenhará a função por tempo indeterminado.

Ao novo Vigário Geral da Arquidiocese, o Arcebispo Metropolitano de Mariana deseja sucesso: “Deus dá a graça necessária para todos aqueles que assumem ofícios na Igreja e ele vai ter a graça e a proteção de Deus também para desempenhar bem o seu serviço e seu ministério diante da Arquidiocese, junto dos padres, párocos, Vigários Episcopais e com todos os Organismos da Arquidiocese”.

Monsenhor Natali e Monsenhor Danival também participaram da posse.

Fotos: Rodrigo Araújo e Thalia Gonçalves

Agenda