sábado

, 08 de agosto de 2020

Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Cachoeira do Brumado, completa 170 anos de criação

03 de julho de 2020 Arquidiocese

A Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Cachoeira do Brumado, na Região Pastoral Mariana Norte, está completando 170 anos de criação. “São 170 anos que, sob o patrocínio da Imaculada Virgem Maria, os nossos antepassados e, agora, todos nós, Igreja Viva, exercemos a missão de sermos sal da terra e luz do mundo, fiéis anunciadores da Boa-Nova do Reino de Deus a todos os povos”, destacou o administrador paroquial, padre José Geraldo Coura.

No dia 1º de junho de 1850, pela lei nº 471, o antigo curato de Nossa Senhora da Conceição da Cachoeira do Brumado foi elevado à condição de Paróquia, desmembrando-se, assim, da Paróquia de Nossa Senhora do Rosário dos Negros, do Distrito de Padre Viegas. Segundo este mesmo decreto, a recém criada paróquia passaria a compreender o antigo Distrito de Cachoeira do Brumado, o de São Domingos (Diogo de Vasconcelos), e o território dominado pelo espigão da Serra do Engenho Queimado, e do alto do Descoberto, seguindo a divisa pela estrada ao Rio Pinduca até a divisa com Barra Longa.

Para marcar este ano jubilar, a Paróquia estará promovendo algumas homenagens que serão publicadas na Página do Facebook Paróquia Nossa Senhora da Conceição – Cachoeira do Brumado, durante este mês de julho.

Um slogan comemorativo dos 170 anos de criação paroquial também será criado e algumas mensagens de padres convidados serão publicadas neste mês. “Convidamos a todos para que possam acompanhar as homenagens previamente preparadas e que, de forma gradual, serão disponibilizadas para todos”, ressalta padre José Geraldo.

Em uma carta publicada nas redes sociais da paróquia, o administrador paroquial saudou, de maneira especial, a todos os paroquianos que continuam escrevendo e fazem parte desta centenária história. “Também agradecemos a Deus por todos aqueles que nos antecederam e nos deixaram este precioso legado de fé e devoção”, escreveu padre José Geraldo Coura.