terça-feira

, 09 de agosto de 2022

Paróquia de Nossa Senhora do Pilar celebra Tríduo em honra a São Francisco de Paula

25 de junho de 2021 Arquidiocese

A Paróquia de Nossa Senhora do Pilar, em Ouro Preto (MG), celebrará entre os dias 01 e 04 de julho às festividades em honra a São Francisco de Paula, padroeiro da Ordem Terceira dos Mínimos.

A programação incluí a celebração da missa festiva e o diretório devocional em honra ao santo nos dias 01, 02 e 03 de julho, às 19h, na Igreja de São Francisco de Paula. Já no dia 04, às 10h, haverá a missa festiva, bênção de pães e velas e bênção especial aos devotos.

Sobre São Francisco de Paula

Nasceu em Paola, atual província de Cosenza, em 27 de março de 1416. Acometido por um abcesso maligno no olho esquerdo, seus pais o confiaram à intercessão de Francisco de Assis: em caso de cura, a criança teria usado, por um ano inteiro, o saio franciscano. Alcançada a graça, cumpriu o voto entrando para o convento com a idade de 15 anos; ali ele manifestou, imediatamente, fortes dons de piedade e inclinação à oração. Ao término da sua permanência, fez uma verdadeira peregrinação, com seus pais, em busca de uma vida religiosa mais apropriada para si.

Retornando a Paola, iniciou um período de vida eremítica em um lugar inacessível das propriedades da família. Aos poucos, outros, cada vez mais numerosos, se uniram à sua experiência, reconhecendo-o como guia espiritual. Em 17 de maio de 1474, o Papa Sisto IV reconheceu, oficialmente, a nova Ordem, que recebeu o nome de Congregação Paulina dos Eremitas de São Francisco de Assis. O reconhecimento da Regra, com o nome atual da Ordem dos Mínimos, ocorreu com o Papa Alexandre VI.

Morreu em Tours, em 2 de abril de 1507. Sua fama difundiu-se logo pela Europa, por meio dos três ramos da família dos Mínimos: frades, monjas e terciários. Foi canonizado em 1° de maio de 1519, apenas doze anos após a sua morte, durante o pontificado do Papa Leão X.

Oração

Ó São Francisco de Paula que vos distinguistes na Igreja pelo grande Espírito de penitência e, em vida, convertestes tantos pecadores, com a vossa palavra e socorrestes tantos necessitados, com os vossos prodígios, alcançai-nos também aversão aos vícios e verdadeira contrição dos nossos pecados. Vós, glorioso padroeiro, que fizestes tudo pela caridade e reconciliaste poderosos deste mundo, fazendo-os abandonar o ódio e a inimizade, concedei-nos a paz e também às nossas famílias e ao mundo inteiro. Fazei ó nosso protetor, que seguindo vosso exemplo, nos amemos uns aos outros como irmãos e amemos a Deus sobre todas as coisas. Amém.

Clique aqui e conheça a história de dois devotos de São Francisco de Assis

Confira a programação completa:

Com informações e imagem do Vatican News e da Paróquia de Nossa Senhora do Pilar

Agenda