sábado

, 20 de abril de 2024

Pastoral Familiar Promove Retiro e Formação para a Comissão e Núcleo do Regional Leste 2

25 de março de 2024 Igreja no Brasil

No período de 15 a 17 de março de 2024, a Casa de Retiros Nossa Senhora do Cenáculo, em Belo Horizonte (MG), foi palco do encontro da Comissão e do Núcleo de Formação e Espiritualidade da Pastoral Familiar do Regional Leste 2. Sob o tema “Chegou perto dele, viu, e teve compaixão” (Lucas 10,33), o evento contou com a participação de agentes da Pastoral Familiar das (Arqui)Dioceses de Belo Horizonte, Juiz de Fora, Montes Claros, Mariana, Campanha, Divinópolis e Governador Valadares.

O assessor da formação e espiritualidade foi o Padre Otávio Juliano de Almeida, Mestre e Doutor em Teologia Moral e Professor na PUC Minas, pertencente ao Clero da Arquidiocese de Belo Horizonte. Ele abordou, a partir do tema proposto, as questões de gradualidade no discernimento ético-moral, com uma visão ampliada da Exortação Apostólica “Amoris Laetitia” do Papa Francisco e suas aplicações na vida cotidiana.

A formação foi de suma importância para os agentes da Comissão e NFE responsáveis pela formação e espiritualidade no Regional Leste 2, especialmente diante da atual situação das famílias, enfrentando numerosos desafios na contemporaneidade. O acolhimento das famílias torna-se uma necessidade urgente, seguindo o exemplo do Bom Samaritano.

Durante três dias, os participantes experimentaram momentos de espiritualidade e formação, com dinâmicas interativas, reza do terço da amizade social, momentos de oração, partilha e troca de experiências nas diversas realidades do Regional Leste 2.

O aprofundamento da Exortação Apostólica “Amoris Laetitia”, após seis anos, proporcionou um novo olhar sobre as ações da Pastoral Familiar. Cada família possui sua história única, e o Papa Francisco exorta à importância de um olhar individualizado para cada pessoa. É essencial nos aproximarmos do próximo, demonstrando compaixão.

É necessário estarmos ao lado dos mais necessitados, seguindo o exemplo de Jesus. As diversas fragilidades podem ser superadas quando agimos com o acolhimento do Bom Samaritano, sem julgamentos e preconceitos.

O evento foi encerrado com a celebração da Santa Missa e um almoço de confraternização, promovendo momentos de união e comunhão entre os participantes.

Texto e fotos: por Gilberto e Sílvia, Casal Coordenador do Regional Leste 2

Agenda