sexta-feira

, 19 de agosto de 2022

Prioridade pastoral: temas indicados pela arquidiocese são apresentados ao CAP

26 de novembro de 2020 Arquidiocese

Os temas indicados pela arquidiocese para serem a prioridade pastoral de 2021 foram apresentados na reunião do Conselho Arquidiocesano de Pastoral (CAP), no último sábado (21). O encontro foi realizado pela plataforma Zoom e também teve como pauta a discussão sobre os próximos passos que devem ser dados para a divulgação e o estudo do texto do novo PAE e a elaboração da agenda pastoral do próximo ano.

“A partir da consulta feita na arquidiocese foram recolhidas as sugestões. Sintetizando as prioridades enviadas, cinco temas ficaram mais em relevo”, explicou o coordenador arquidiocesano de pastoral, padre Edmar José da Silva.

Dar continuidade ao ano da família com enfoque no contexto familiar pós-pandemia; cuidar da saúde integral neste contexto de pandemia e pós-pandemia; a questão do uso dos meios de comunicação e das novas tecnologias na evangelização; as questões sociais no contexto desafiador da pandemia e pós-pandemia e repensar a prática pastoral-evangelizadora a partir do contexto pós-pandemia foram as temáticas destacadas.

“Essas sugestões foram apresentadas ao CAP, que apontou duas prioridades pastorais consideradas mais urgentes para o próximo ano. São elas: ‘O cuidado com a vida ameaçada’ e ‘repensar o método de evangelização a partir do contexto de pós pandemia. O que aprender com este novo tempo?’”, disse padre Edmar.

Projeto Arquidiocesano de Pastoral

Neste ano, a arquidiocese começou o processo de elaboração do novo Projeto Arquidiocesano de Pastoral (PAE). Um texto- mártir do documento está sendo finalizado e será apresentado aos vigários forâneos e vigários episcopais.

A partir da indicação do Conselho Arquidiocesano de Pastoral, o novo documento do PAE será enviado para as foranias que deverão mobilizar as Paróquias e comunidades para o estudo do mesmo. Terminada esta fase, as sugestões oferecidas pelas paróquias e comunidades serão recolhidas pelas foranias e enviadas para as regiões pastorais e, posteriormente, para a equipe de elaboração do Projeto.

No processo de confecção do texto, a equipe teve como referências o Documento 109 da CNBB, a última instrução da congregação do clero intitulada “Paróquia e Evangelização”, os documentos Pontifícios do Papa Francisco, especialmente a “Laudato Si “e a “Querida Amazônia”, as últimas discussões sobre a questão da estrutura e da organização pastoral da Arquidiocese, e todos os documentos mais recentes que se referem às dimensões envolvidas no projeto (catequética, litúrgica, missionária e sociopolítica).

Agenda pastoral 2021

Na reunião, Dom Airton também destacou a importância de planejar as ações do próximo e montar o calendário pastoral. “Iremos montar um calendário e pensar nas possiblidades das atividades serem presenciais. Caso não seja possível, as atividades serão onlines”, disse Dom Airton.

As próximas reuniões do CAP estão agendas para os dias: 20 de fevereiro, 22 de maio e 20 de novembro. A 28ª Assembleia Arquidiocesana de Pastoral está agendada para os dias 24 e 25 de setembro.

Agenda