terça-feira

, 23 de abril de 2024

Restos mortais do Monsenhor Dimas e Padre Manoel Joaquim foram translados para a Matriz de Guaraciaba

10 de julho de 2023 Arquidiocese

Familiares dos padres na cerimônia do dia 1º de julho.

Atendendo a um abaixo assinado da população de Guaraciaba (MG), contendo mais de mil assinaturas, os restos mortais do Monsenhor Joaquim Dimas Guimarães, anteriormente depositado no cemitério, e do Padre Manoel Joaquim do Espírito Santo, que estavam na Sacristia da Igreja Matriz de Sant’Ana, foram translados para um jazigo de honra no templo dedicado à padroeira.

Celebrado no último dia 1º de julho, aniversário da cidade de Guaraciaba, à ocasião, foi realizado um evento na Capela do Rosário, quando homenagens foram prestadas aos benfeitores falecidos com exposição de vestimentas e objetos pessoais dos sacerdotes, cedidos pelas respectivas famílias, além de exposição dos restos mortais em embalagens especiais. Foram proferidos depoimentos de quem conviveu com o Monsenhor Dimas, relatando milagres alcançados, contos e causos de convivência com o mesmo.

Já às 18h, houve um cortejo, ao som da Banda Musical Nossa Senhora do Rosário, pelas ruas da cidade seguindo até a Matriz de Sant’Ana, onde houve celebração de Missa e colocação dos restos mortais no jazido de honra, onde serão perpetuados.

Jazigo da Igreja Matriz de Sant’Ana.

História da iniciativa

Organizada pelo Pároco, Padre Geraldo Trindade, uma comissão designada por ele compareceu, em 06 de maio, ao Cemitério Municipal de Guaraciaba. Estando presentes o prefeito municipal, juiz de paz, tabelião e sargento da Polícia Militar, familiares e representantes da Comunidade local, foi realizada a remoção dos restos mortais do Monsenhor Dimas.

Um vídeo e fotografias foram registrados, e os restos mortais foram devidamente embalados para serem levados à Casa Paroquial, onde foram tratados os detalhes para sua colocação em um local de honra.

A organização do evento contou com a participação de Nilton de Aquino e Flávia Cabral e durante todas as atividades, o Padre Geraldo proferiu orações e palavras de homenagem aos dois grandes sacerdotes, expressando gratidão pelo testemunho de vida que eles deixaram para a nossa cidade e para a Igreja, e afirmou que a Matriz será morada eterna dos mesmos.

A comissão envolvida no processo.

Sobre os presbíteros

O Padre Manoel administrou a Paróquia de Guaraciaba por duas vezes, sendo a primeira de 1875 a 1883 e 1892 a 1916, totalizando 32 anos. O Monsenhor Dimas administrou a Paróquia por 46 anos no período de 1933 a 1979.

Texto: Nilton de Aquino Andrade

Fotos: Pastoral da Comunicação da Paróquia Sant’Ana

 

Agenda