terça-feira

, 16 de agosto de 2022

Santuário do Senhor Bom Jesus de Bacalhau, em Piranga (MG), realiza o 235º Jubileu do Bom Jesus

18 de agosto de 2021 Arquidiocese

A Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Piranga (MG), localizada na Região Mariana Centro, realizou, entre os dias 1º e 15 de agosto, o 235º Jubileu do Senhor Bom Jesus de Bacalhau, no Santuário do Senhor Bom Jesus. O Santuário, que tem como lema “A casa do Bom Jesus é também a nossa casa”, está localizado no distrito de Santo Antônio do Pirapetinga, popularmente conhecido como Bacalhau, a 12 km do centro da cidade.

Ao longo do Jubileu, os romeiros de diversas comunidades e cidades que foram ao Santuário tiveram a oportunidade de celebrar a Eucaristia e o Sacramento da Penitência e visitar a imagem venerável do Senhor Bom Jesus na Sala dos Milagres. 

Além da presença de muitos sacerdotes, que presidiram as missas e ajudaram no atendimento às confissões dos fiéis, o Santuário acolheu o Arcebispo Metropolitano de Mariana, Dom Airton José dos Santos. Ele presidiu a celebração eucarística, no sábado, dia 14, às 11h. 

Em sua homilia, Dom Airton recordou que todos os romeiros estavam ali presentes porque eram devotos do Bom Jesus que se apresenta para nós chagado, pregado na cruz, e que ao vermos Jesus na Cruz compreendemos que o amor não é sentimento, mas doar a vida. “Quando nós passamos diante do Bom Jesus, cada um lembra no seu coração das suas necessidades […] e certamente o Bom Jesus atende os nossos pedidos”, pontuou.

Colaboração e depoimentos

Destaque do Jubileu deste ano foi a colaboração dos voluntários, cujo número foi maior em relação aos últimos anos, muito devido às exigências de higienização e acolhida especial neste tempo de pandemia. Uma das voluntárias é a jovem Camila Dias, natural do distrito de Bacalhau. 

Ela recorda que é voluntária desde criança, quando começou a participar indo com seu avô e depois com o seu pai. “A cada Jubileu me sinto mais completa e mais próxima de Deus, [pois] o Santuário é um local abençoado e de muito significado em minha vida. Estar servindo ao Bom Jesus e aos romeiros me transforma de uma maneira inexplicável e me sinto completa por estar envolvida em uma obra tão linda. Sou privilegiada por ter a graça de participar e estar presente em um ambiente de graças e milagres, estar servindo em um local que é pedacinho do céu na terra”, afirmou a jovem devota Camila. A presença e contribuição de tantas pessoas generosas são demonstrações de amor ao Bom Jesus e do espírito de serviço que Ele mesmo nos inspira. 

Nova sala das velas no Santuário

Em 2021, foi também o primeiro jubileu do vigário paroquial da Paróquia de Piranga, padre Ronaldo Henrique Furtado. Ordenado em maio deste ano, ele recordou o seu propósito feito ainda quando era seminarista. “No período de Seminário, fiz um propósito de, após ser ordenado, ficar os 15 dias ajudando no Jubileu do Bom Jesus do Bacalhau. E Deus me concedeu essa graça já no início do meu ministério presbiteral. Nestes dias, pude contemplar o quanto Deus me ama, se entregou à morte de Cruz por mim e me chamou para o ministério presbiteral. Diante do Senhor Bom Jesus, o contemplei e pedi a Ele que se realize em mim o lema que escolhi para minha ordenação presbiteral: ‘Eu vivo, mas não eu; é Cristo que vive em mim ‘(Gl 2,20)”, disse o sacerdote.

Novidades

O 235º Jubileu do Senhor Bom Jesus de Bacalhau Jubileu contou com algumas novidades como: a inauguração da nova sala das velas e o lançamento do novo hino ao Bom Jesus de Bacalhau. Composto pelo padre Wanderson Paulo, da Diocese de Leopoldina (MG), a letra do hino busca mostrar a experiência que é vivida por cada romeiro no alto da colina onde foi edificado o Santuário. O vídeo do hino está disponível no canal YouTube da paróquia e pode ser conferido aqui

Para o pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição de Piranga e reitor do Santuário do Bom Jesus de Bacalhau, padre Reginaldo Coelho da Costa, o Jubileu foi um tempo de graça e um momento profundo de fé e de encontro com Jesus Cristo. “Agradecemos todas as pessoas que nos ajudaram voluntariamente neste período de festa. Que o Bom Jesus abençoe e seja sempre a nossa força”, disse no encerramento das festividades.

Conheça o Santuário

O Santuário do Bom Jesus do Bacalhau fica aberto para a visitação dos romeiros e romeiras de segunda a sexta-feira, e todos os domingos, de 8h às 16h. Além disso, todo dia 15 do mês acontece a missa do romeiro, às 17h. Organize a sua romaria e participe.

Fotos e texto: Pascom de Piranga

Leia aqui outras notícias da Arquidiocese de Mariana

Agenda