sábado

, 25 de maio de 2024

SAV e Equipes Vocacionais Paroquiais da Região Mariana Sul participam de formação

25 de abril de 2024 Arquidiocese

Aconteceu no último dia 13 de abril no Centro de Pastoral da Região Mariana Sul, em Barbacena (MG), o Encontro Regional de Formação do Serviço de Animação Vocacional (SAV) e das Equipe Vocacionais Paroquiais (EVPs).

O objetivo da reunião foi animar e unir os agentes regionais e paroquiais em torno das orientações para o Serviço de Animação Vocacional “para que o rebanho não se perca por falta de animadores vocacionados”, afirmou Rosângela Aparecida da Silva, coordenadora da EVP da Paróquia Divino Espírito Santo, em Barbacena.

Contando com a organização por parte da Coordenação Regional do SAV, a programação contou com um momento de espiritualidade conduzido pela religiosa passionista, Irmã Arlene Simões, pelo Assessor Arquidiocesano do SAV, Padre Rosemar Marcos Condé, pela religiosa da Congregação Filhas de Nossa Senhora do Bom Conselho, Irmã Márcia Patrícia, e um trio de músicos. “O 61º Dia Mundial de Orações pelas Vocações foi a base para esta espiritualidade”, informou Irmã Arlene.

O encontro foi assessorado pelo Padre Rosemar que explicou que a missão e função do SAV e EVP na Pastoral Vocacional.  Segundo ele, o SAV tem a função de animar e promover todas as vocações na Igreja, enquanto as EVPs têm como objetivo possibilitar o surgimento e o encaminhamento por todas as vocações na Igreja: matrimonial, ministérios ordenados, religiosos e missionários.

“Realizamos esse encontro de formação para os animadores vocacionais na Região Mariana Sul com o desejo no coração de fortalecer os animadores que já atuam no Serviço de Animação Vocacional, mas também de acolher novos membros para esse trabalho tão importante em nossa Igreja. Deus seja louvado pelo empenho e dedicação da equipe coordenadora nos trabalhos da pastoral vocacional na Região Sul. Com certeza, frutos serão colhidos deste trabalho evangelizador”, pontuou o Assessor Arquidiocesano do SAV.

No total, foram 40 membros participantes representando as quatro foranias que compõem o regional. Novos agentes que iniciaram recentemente o trabalho e futuros agentes também foram acolhidos neste dia.

O Coordenador da EVP da Paróquia São José, em Ressaquinha (MG), Amin Feres, destacou sobre a alegria de acolher os novos membros na formação. “Isso é importantíssimo para o fortalecimento das nossas equipes, que já vêm realizando um sólido trabalho em nossas paróquias e que, agora, ficará mais fortalecido. O Assessor Arquidiocesano do SAV, Padre Rosemar, motivou-nos com inúmeras sugestões de atividades oracionais e de encontros de despertar vocacional. Estamos motivados e dispostos para a missão”, disse.

“Foi um encontro de muitas expectativas, com novos membros, sendo motivados a serem verdadeiros animadores vocacionais e também foi um incentivo para todos os membros que já fazem parte desse grupo da SAV da Região Sul. Nessa formação, os 40 presentes foram motivados a não desanimarem dessa bela missão a qual fomos chamados para caminhar e servir”, complementou Rosângela, pontuando a riqueza do encontro. Além de coordenar a EVP de sua paróquia, também auxiliou na organização deste encontro regional.

Enfatizando o tema do encontro “Vocação: graça e missão” e o lema “Corações ardentes, pés a caminho”, para Rosângela, “o verdadeiro animador vocacional deve estar engajado na vida da Igreja. Somente quando participamos e assumimos a responsabilidade é que podemos ajudar os vocacionados a trilharem um verdadeiro caminho vocacional”.

Na avaliação da Coordenadora Regional do SAV, Maria das Graças Clemente, o encontro foi uma bênção. “A participação foi muito boa, com a presença de novos membros, que pretendem criar em suas paróquias a Equipe Vocacional para incentivar e animar as pastorais e comunidade a estar a serviço de Deus e do próximo. Deus abençoe e ilumine esse grupo de animadores vocacionais que está a serviço do amor e pelo amor”, afirmou.

Também presente no encontro, a Irmã Regina pontua que é preciso incentivar mais as vocações sacerdotais e consagradas. “Seria bom que os párocos incentivassem ainda mais aqueles que pretender seguir a missão como sacerdote ou religiosa. Precisamos falar nas escolas sobre essas missões e convidar os jovens e crianças para pequenos encontros na paróquia e valorizar a Perseverança, na Catequese”, opinou a religiosa da Congregação Filhas de Nossa Senhora do Bom Conselho, em Senhora das Remédios.

Texto: Rosângela Aparecida M. da Silva e Ana Paula Mendes dos Santos

Fotos: Equipe coordenadora do SAV Regional