terça-feira

, 09 de agosto de 2022

Secretaria do Sínodo e Congregação para o Clero motivam participação dos presbíteros no processo sinodal

22 de março de 2022

No último sábado, 19 de março, a Congregação para o Clero e a Secretaria do Sínodo publicaram uma carta assinada pelo Secretário Geral do Sínodo dos Bispos, Cardeal Mario Grech, e pelo prefeito da Congregação para o Clero, Dom Lazzaro You Heung Sik, com uma motivação para o envolvimento do clero no processo sinodal.

Na carta, mais do que convidar o clero a multiplicar as atividades, a Congregação quer encorajá-los a olhar para “vossas comunidades com aquele olhar contemplativo que nos fala o Papa Francisco na Evangelii Gaudium (n. 71) para descobrir os muitos exemplos de participação e partilha que já estão germinando em vossas comunidades”.

Com o texto, a Congregação incetiva, ainda, o clero a descobrir, cada vez mais a igualdade fundamental de todos os batizados e de encorajar todos os fiéis a participar ativamente do caminho e da missão da Igreja. “Assim, teremos a alegria de estar ao lado de irmãos e irmãs que compartilham conosco a responsabilidade da evangelização”, diz o texto.

Neste sentido, a Congregação pede uma tripla contribuição para o atual processo sinodal:

– Fazer todo o possível para que o caminho se baseie na escuta e na vivência da Palavra de Deus;
– Trabalhar para que o o caminho seja caracterizado pela mútua escuta e recíproca aceitação;
– Cuidar para que o caminho não nos leve à instrospecção, mas nos estimule a sair ao encontro de todos.

“Caríssimos irmãos sacerdotes, temos a certeza de que a patir destas prioridades encontrareis um modo de dar vida a iniciativas concretas, segundo as necessidades e as possibilidades, porque a sinodalidade é verdadeiramente o chamado de Deus para a Igreja do terceiro milênio. Encaminharmos nesta direção não será isento de questionamentos, fatigas e suspeições, mas podemos confiar que nos retornará o cêntuplo em fraternidade e nos frutos da vida evangélica”.

CONFIRA A CARTA NA ÍNTEGRA AQUI

Texto: CNBB

Agenda

VEJA TAMBÉM