quinta-feira

, 30 de maio de 2024

Seminaristas realizam o Exame De Universa Theologia e concluem o curso de Teologia

06 de dezembro de 2022 Arquidiocese

Nesta segunda-feira, 05 de dezembro, quatro seminaristas do Seminário São José da Arquidiocese de Mariana realizaram o Exame De Universa Theologia e assim concluíram o curso de Teologia no Instituto de Teologia São José (ITSJ). São três seminaristas da Arquidiocese de Mariana: Carlos Geovane N. Magri, Fabrício Lopes Fernandes e José Mario Santana Barbosa, além do seminarista da Diocese de Januária (MG), Eduardo Martins de Meira.

O Exame De Universa Theologia concede o título de bacharelado àqueles que concluíram o curso de Teologia no ITSJ. Desde 2014, a prova é realizada no Seminário Arquidiocesano, após a instituição ter firmado convênio de afiliação com o Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus no Brasil (CES- SJ). Para a realização de tal, é constituída uma banca examinadora que avaliará os alunos a partir dos conteúdos apresentados. Neste ano, a banca foi composta pelo Dr. Mons. Luiz Antônio Reis Costa e Dr. Pe. Geraldo Dias Buziani, professores do ITSJ, e pelo Dr. Pe. Francisco das Chagas de Albuquerque, professor da Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia – FAJE.

Mais do que uma avaliação acadêmica, que é uma das suas finalidades, a avaliação oferece ao aluno uma oportunidade de sintetizar, no final do percurso, aquilo que foi estudado ao longo dos quatro anos do curso de Teologia. O exame compreende várias áreas do estudo teológico: Teologia Fundamental, Trindade, Cristologia, Eclesiologia, Antropologia Teológica, Mariologia, Sacramentos, Teologia Moral e Escatologia – tudo, levando-se em consideração os conteúdos bíblicos necessários.

Dessa forma, aqueles que concluem o curso de teologia no ITSJ, mediante a realização desse exame, têm uma oportunidade de sintetizar os conteúdos fundamentais da teologia católica, capacitados para sistematizar um discurso crítico e hermenêutico sobre a fé cristã vivida conforme a práxis da Teologia Católica.

Texto: Carlos Geovane N. Magri

Foto: Divulgação