terça-feira

, 09 de agosto de 2022

Sermão da Soledade e Ofício das Trevas marcaram a quarta-feira Santa em Mariana

13 de abril de 2017 Arquidiocese

Relembrando as dores de Maria, o Sermão da Soledade marcou a quarta-feira santa, 12 de abril, em Mariana. Após a missa na igreja de São Pedro, presidida pelo arcebispo de Mariana, Dom Geraldo Lyrio Rocha, centenas de fiéis acompanham a procissão com a imagem de Nossa Senhora para a igreja de Nossa Senhora do Carmo, onde o padre Leandro Ferreira Neves realizou o sermão.

Em sua reflexão, padre Leandro convidou os presentes a se colocarem no lugar de Maria, a mãe da soledade. “Diante das dores de Maria, cada homem e cada mulher se reconhecem em suas limitações, suas dores e sofrimentos. Na figura da mãe enlutada por ter perdido o seu filho amado, a humanidade se reconhece em seu drama existencial. Ao mesmo tempo, busca em cada oração o sentimento da solidariedade e a compaixão pelos que sofrem”, disse o presbítero.

Ele lembrou, também, das inúmeras mulheres, mães, que sofrem por causa de seus filhos nos dias de hoje e dos vários problemas que a sociedade brasileira está passando.

Ofício das trevas

Lembrando a traição de Jesus e o momento em que Ele foi abandonado pelos discípulos, preso e levado a morte, os membros das Irmandades, Confrarias,  Associações e Movimentos participaram do ofício de trevas, encerrando a programação do dia em Mariana.

Agenda