sexta-feira

, 19 de agosto de 2022

Sugestões para o Ano Arquidiocesano da Família são aprovadas na Assembleia de Pastoral

26 de novembro de 2019 Arquidiocese

Coroando as prioridades pastorais assumidas pelo Projeto Arquidiocesano de Evangelização (PAE 2016-2020), a família será o centro das atividades pastorais da arquidiocese em 2020. Nesta perspectiva, as sugestões para a vivência do Ano da Família foram discutidas e aprovadas  na 27ª Assembleia Arquidiocesana de Pastoral.  

Confira as sugestões para a celebração do Ano da Família:

  1. Conscientizar que a prioridade família é da Arquidiocese e deve ser assumida por cada comunidade, cada pastoral e cada movimento da Paróquia;
  2. Fortalecer e ampliar a atuação da Pastoral Familiar, com atenção especial às diversas configurações de família (viúvos, sozinhos, solteiros, amasiados, casais de segunda união);
  3. Desenvolver, a partir dos grupos eclesiais, a prática ministerial da “visitação às famílias”;
  4. Fomentar a atuação de pastorais que atuam diretamente junto as famílias em situações de conflitos e dor: pastoral da saúde, pastoral carcerária, etc.
  5. Estudar, divulgar e implementar as propostas da carta compromisso do V Congresso Arquidiocesano da Pastoral Familiar;
  6. Utilizar os roteiros e os grupos de reflexão para divulgar as propostas do ano da família e tratar de temas relacionados diretamente às realidades familiares;
  7. Oferecer, no acompanhamento pastoral, especial cuidado para com os idosos (considerando que cresce a expectativa de vida no Brasil e eles ficam cada vez mais sem a assistência necessária);
  8. Dar maior destaque para alguns eventos relacionados à família: Campanha da Fraternidade de 2020; Semana nacional da família; Semana do nascituro; etc.

 

Agenda