terça-feira

, 16 de agosto de 2022

“Um alimento para a vida eterna”, disse Dom Airton na Solenidade de Corpus Christi

12 de junho de 2020 Arquidiocese

Mesmo sem a presença dos fiéis, as paróquias da arquidiocese celebraram a Solenidade de Corpus Christi nesta quinta-feira (11). Em Mariana, o arcebispo, Dom Airton José dos Santos, presidiu a missa e a adoração no Santuário de Nossa Senhora do Carmo. A celebração também contou com a presença do pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Assunção, cônego Nedson Pereira, e do vigário, padre Fabiano Milione.

“Nosso Senhor Jesus Cristo, presente no Santíssimo Sacramento, é a certeza da esperança. Vejamos, portanto, a fortaleza que Ele nos transmite neste dia, uma fortaleza que vem do próprio Deus”, disse Dom Airton.

 

Citando o Evangelho, o arcebispo ressaltou que a Eucaristia é um alimento que foi dado por Cristo. “Este alimento é sinal daquele alimento que permanece eternamente, aquele alimento que Cristo mesmo se dá a nós. Esse alimento simples e humilde, que recebemos em toda missa, deve ser protegido, ele é para nós Cristo”.

“Comungar o corpus e sangue do Senhor exige para nós uma decisão forte, que nos conformamos a Cristo. Não precisamos fazer os nossos desejos e as nossas intenções, mas de nos conformamos à Cristo para sermos verdadeiros discípulos, anunciadores da Boa Nova do Reino”, acrescentou Dom Airton.

O arcebispo também destacou que a Eucaristia produz comunhão, não dispersão. “Este alimento que é Cristo faz com que construímos a comunhão entre nós. Construir em nosso dia a dia a fortaleza necessária para anunciarmos Jesus Cristo. Ele mesmo nos ensina no Evangelho: ‘quem como a minha carne e bebe do meu sangue tem a vida eterna’. Um alimento para vida eterna. Um alimento que Ele mesmo deixou para a Igreja entregar aos fiéis, para aqueles que buscam um caminho para Deus”.

Após a celebração foi realizada a adoração ao Santíssimo Sacramento e a benção.

Confira mais fotos da celebração:

Agenda