sábado

, 20 de abril de 2024

Entrega da obra de restauração da Catedral Basílica Metropolitana de Mariana

13 de dezembro de 2022 Vídeos

A Catedral Basílica de Nossa Senhora da Assunção, conhecida como a “Sé de Mariana” é um dos mais importantes monumentos religiosos e artísticos do século XVIII, pertencente à mais antiga Diocese do interior brasileiro.

Apresenta suas características originais do século XVIII, sendo que as demais catedrais contemporâneas a este exemplar eclesiástico já se perderam ou foram modificadas com o passar do tempo: Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo foram demolidas; as catedrais de Olinda, São Luís do Maranhão e Belém passaram por grandes transformações arquitetônicas que alteraram sua estrutura original.

Após as comemorações dos 270 anos da criação da Arquidiocese de Mariana, a Catedral Basílica Metropolitana de Mariana foi contemplada, em 2016, por meio do Plano de Ação das Cidades Históricas e de contratos firmados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), com recursos para a elaboração de projetos e execuções de obras de conservação e restauração de toda a edificação, assegurando sua salvaguarda e permanência para as gerações futuras e manutenção do patrimônio histórico construído.

Após quase 07 anos fechada para obras de conservação e restauração, partindo desde intervenções estruturais e arquitetônicas, chegando ao enaltecimento de suas riquezas artísticas com as restaurações de elementos artísticos e integrados, também datados do século XVIII, a Catedral Basílica Metropolitana de Mariana será reaberta a partir do dia 15 de dezembro de 2022.

Assim sendo, o Iphan, a Arquidiocese de Mariana, a Paróquia de Nossa Senhora da Assunção e a Prefeitura Municipal de Mariana vêm convidar a todos para a entrega solene deste bem religioso e cultural que volta a cumprir suas funções primordiais junto à sociedade.

A programação completa da entrega da obra de restauração da Catedral Basílica Metropolitana de Mariana está disponível no site arqmariana.com.br

Agenda