terça-feira

, 28 de novembro de 2023

CNBB prepara mobilização em homenagens às 500 mil vítimas de Covid-19 no Brasil

16 de junho de 2021 Igreja no Brasil

Foto: CNBB

O Brasil se aproxima da lamentável marca de 500 mil pessoas vítimas do novo coronavírus. Nesse contexto de luto, perdas e necessidade de esperança e consolo, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) prepara orações, homenagens e mobilizações sociais para fazer memória de tantos brasileiros e brasileiras que partiram e para ressaltar a mensagem de que “toda vida importa”.

Por isso, a CNBB convida todas as igrejas a tocar neste sábado (19) às 15h, hora da Misericórdia, os sinos em homenagem às vítimas. Essa mesma ação aconteceu também em 11 de abril, Domingo da Misericórdia.

Para o bispo auxiliar da Arquidiocese do Rio de Janeiro e secretário-geral da CNBB, Dom Joel Portella Amado, a iniciativa da instituição, com apoio de outras entidades, “é um ato de solidariedade, de esperança de compromisso para tentar fazer o Brasil um pouco melhor”. Ele acredita que todas as pessoas que, de algum modo, têm o mínimo de sensibilidade no coração devem parar nesse momento para refletir.

“É um número simbólico, que mexe com a agente. Essas viradas matemáticas elas mexem muito com a gente, meio milhão de pessoas é muita gente”, destacou.

O momento de oração e as manifestações que devem ocorrer durante esta semana representam, segundo Dom Joel, “um gesto de presença junto ao povo brasileiro e de solidariedade também com toda as pessoas tiveram covid-19 e, mais ainda, tiveram entes queridos mortos pela covid-19 em alguma situação de desassistência, com demora de vacina, desestímulo a medidas sanitárias todas – distanciamento, máscaras e afins”.

Oração

A CNBB também vai oferecer um vídeo de oração pelos 500 mil mortos na pandemia. Composta por Dom Joel, a oração será narrada pelo jornalista Silvonei José, que atua em Vatican News. A sugestão é que as emissoras de TV utilizem o material ao final dos telejornais, como uma homenagem aos que se foram ou em outros programas. O vídeo também será distribuído nas redes sociais da CNBB e rádios católicas.

A oração lembra dos irmãos e irmãs que morreram em decorrência da pandemia do novo coronavírus, “muitas sem o mínimo necessário para o tratamento digno como ser humano”. O pedido é que Deus Pai acolha esses filhos e filhas e conceda-lhes a paz eterna. A prece também é que o povo brasileiro possa trabalhar por solidariedade, acolhimento, partilha, compreensão e resiliência.

“Que a saudade seja estímulo à fraternidade!
E que a fé seja o sustento de nossa esperança!”.

Programação

O Arcebispo de Belo Horizonte (MG) e presidente da CNBB, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, preside a Santa Missa na intenção das 500 mil vítimas da Covid-19 no Brasil, no sábado, às 15h. A celebração será no Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Caeté (MG), com transmissão pelas redes sociais da CNBB e por emissoras de TV de inspiração católica.

No horário de início da missa, todas as dioceses serão convidadas a tocar os sinos.

Clique aqui e acompanhe a missa pelo YouTube da CNBB

Covid-19 no Brasil

Segundo dados do consórcio de imprensa atualizados nesta terça-feira (15), foram registrados no Brasil 491.164 óbitos desde o início da pandemia, sendo que somente nas últimas foram 2.760 mortes. Já o número de casos é de 17.543.853.

Com informações da CNBB e do G1

Este texto foi atualizado na sexta-feira, às 8h13, para acrescentar novas informações