segunda-feira

, 04 de março de 2024

Coordenação da Catequese na Região Sul concluí e avalia suas atividades de 2023

12 de dezembro de 2023 Arquidiocese

No dia 2 de dezembro, a Coordenação Regional de Catequese se reuniu com os coordenadores paroquiais da Dimensão Catequética, no Centro de Pastoral Regional. A coordenadora, Marlene Bueno Oliveira, e a Vice Coordenadora, Marieta Augusta Campos Martins, preparam momentos formativos, de espiritualidade e de descontração.

Os assuntos formativos foram em torno das atividades desenvolvidas em 2023 e o que esperar para 2024. Segundo Marlene, “é necessário continuar o trabalho tão bem desenvolvido pela coordenação anterior e identificar as necessidades de cada paróquia e suas comunidades com relação à catequese, para ampliarmos nosso trabalho”.

Os coordenadores presentes falaram com alegria do sábado em comunhão e destacaram alguns pontos e disseram o que esperam para o próximo ano. Confira:

Jovelina Ferreira Condé de Melo, Coordenadora da Paróquia São José, em Ressaquinha (MG):

“O encontro foi bom, produtivo, não foi cansativo e senti que estamos todas empenhadas em renovar a catequese. Se Deus Quiser no próximo ano nos encontraremos para novamente compartilharmos as experiências e planejar nossas ações”.

Maria Isabel Reis Sá de Miranda, Coordenadora da Forania de Rio Pomba, Paróquia São Manoel:

“A cada encontro saímos com novas forças para enfrentar o cotidiano. Neste sábado, a coordenação foi muito feliz na escolha das atividades. Todos participaram com entusiasmo. A espiritualidade foi grandiosa e muito interessante. Se Deus quiser, no próximo ano teremos muitos momentos de agradecimento”.

Maria Rita, da Paróquia Santo Antônio, em Barbacena (MG):

“O nosso encontro de coordenadores sempre acontece com muita alegria, pois sabemos que a catequese é o pulmão da Igreja. Nesse sentido, acolhemos a Palavra de Deus como luz que ilumina nossos passos na caminhada de cada dia, referimos a importância de nos questionarmos a todos instante o que Jesus quer de nós, o que Ele nos fala, e aonde queremos chegar. Durante todo encontro tivemos trocas de experiências enriquecedoras, sem contar o carinho de todos, o cuidado mútuo. Que o Menino Jesus transforme nossas trevas em luz, que a falta de perdão dê lugar ao amor e que floresça em cada coração o desejo de ser melhor a cada dia”.

Tânia Faria, da Paróquia de Bom Jesus da Cana Verde, em Tabuleiro (MG):

“Foi objetivo, com a parte de espiritualidade, de descontração e teve também a parte de conhecimento e sugestões para o ano seguinte. Foi curta em se tratando de tempo, mas dentro do que deveríamos conversar. Eu espero que continuemos assim e que consigamos vencer mais um ano”.

Texto e fotos: Ana Paula Mendes dos Santos

Agenda