domingo

, 03 de julho de 2022

Dom Airton reflete sobre a ação missionária no primeiro dia da Assembleia Arquidiocesana de Pastoral

13 de dezembro de 2021 Arquidiocese

Em sua participação na primeira etapa da 28ª Assembleia Arquidiocesana de Pastoral, realizada neste sábado, 11 de dezembro, o Arcebispo Metropolitano de Mariana, Dom Airton José dos Santos, fez uma breve introdução ao novo Projeto Arquidiocesano de Evangelização (PAE) e nos levou a refletir sobre a ação missionária e nosso objetivo como cristãos católicos na Igreja Particular de Mariana.

Dom Airton explicou que a primeira etapa da Assembleia teve como objetivo apresentar a todos o PAE, para que no próximo encontro, marcado para o dia 17 de dezembro, possam dar continuidade e definir as diretrizes que vão guiar a Arquidiocese de Mariana pelos próximos quatro anos.

“Nós sabemos que também quando tratamos de pastoral, estamos falando na Dimensão Missionária e ter uma índole missionária é sair de si mesmo e ir ao encontro das pessoas para levar Jesus Cristo. Como estamos transmitindo a fé católica?” questionou a refletir sobre o sentido da fé católica.

“A pastoral é a ação da Igreja no mundo, ou seja, de nós mesmos, e por isso, devemos ser uma Igreja missionária, em saída”, disse, citando o Papa Francisco. Segundo Dom Airton, a Igreja é constituída por pessoas que seguem o Evangelho e acreditam em Jesus Cristo e na vivência do amor, nosso mandamento maior. Ainda, ele ressaltou que vivemos nessa fraternidade para sermos testemunhos de que anunciar o Evangelho não é uma estratégia e sim uma vivência do amor a Deus e ao próximo e o que isso nos tornam verdadeiros cristãos missionários.

“A dimensão da estrutura da Igreja, de tudo que organizamos para poder levar o Evangelho, tudo isso deve estar em função da prática desse amor”, continuou.  “O objetivo da Igreja e o nosso objetivo qual é? Levar Jesus Cristo às pessoas e anunciar a boa nova do Reino. Mas muitas vezes ficamos amarrados a estruturas, ao modo de fazer, e a mensagem não chega onde deve chegar. Então, é preciso tomar cuidado”, ponderou.

Projeto Arquidiocesano de Evangelização

Por fim, Dom Airton apresentou aos participantes o novo PAE. Segundo ele, em 29 de fevereiro de 2020, foi constituída uma equipe para elaboração do Projeto Arquidiocesano de Evangelização durante a reunião do Conselho Arquidiocesano de Pastoral (CAP). De acordo com ele, o projeto foi inspirado nas novas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja (DGAE), documento nº 109 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

O novo PAE tem três capítulos e foi elaborado seguindo a metodologia já consagrada nos documentos eclesiais da América Latina: ver, julgar e agir. “O primeiro, marco da realidade, visa apresentar, em linhas gerais, a realidade atual nos seus aspectos político, econômico, social e eclesial. O segundo capítulo explicita os grandes referenciais teológicos para a ação evangelização na Igreja particular de Mariana. O terceiro capítulo sugere encaminhamentos concretos para a ação evangelizadora na nossa Arquidiocese a partir dos quatro pilares da evangelização”, descreve a introdução do PAE.

Veja também:

28ª Assembleia Arquidiocesana de Pastoral: expressão de sinodalidade da Igreja Particular de Mariana