sábado

, 25 de maio de 2024

Padre Alexandre Umbelino Pereira toma posse como pároco da Paróquia de Santo Antônio, em Ouro Branco

15 de maio de 2024 Arquidiocese

O Padre Alexandre Umbelino Pereira, FDP, religioso da Congregação Pequena Obra da Divina Providência (Orionitas), tomou posse na última segunda-feira, 13 de maio, como Pároco da Paróquia Santo Antônio, em Ouro Branco (MG). A celebração eucarística, que marcou o início do seu pastoreio nessa comunidade de fé, foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Mariana, Dom Airton José dos Santos, na Igreja Nossa Senhora das Graças.

Durante a celebração, foram realizados os ritos de posse: quando Padre Alexandre realizou a profissão de fé e foi interrogado publicamente sobre a sua disposição em colaborar com o Arcebispo Metropolitano de Mariana e cuidar com zelo da porção do povo de Deus que lhe foi confiada. Na oportunidade, ele também proferiu o juramento de fidelidade e obediência, bem como comprometeu-se a seguir a Doutrina da Igreja Católica.

Em sua homilia, Dom Airton lembrou a importância do pároco para uma comunidade, da qual ele deve ser como um pai que cuida de seus filhos e um pastor que zela pelo seu rebanho.

Representando a Congregação da Pequena Obra da Divina Providência, Padre José Carlos Resende, FDP agradeceu a prontidão de Padre Alexandre em assumir a Paróquia Santo Antônio e da alegria de poder celebrar sua posse no dia de Nossa Senhora de Fátima, sendo assim protetora de seu pastoreio.

No final da celebração, Padre Alexandre iniciou sua missão inspirador pelo versículo bíblico: “Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura. (Mc 16 -15)”. Como um servidor, o novo pároco afirmou estar disposto a levar e a pregar a Palavra Deus.

Momento forte para esta comunidade paroquial, que celebra seus 300 anos, e agora, com o Pároco, Padre Alexandre, tem a missão de conduzir e pastorear esse povo de Deus.

O novo pároco foi nomeado para esse ofício por Dom Airton em 14 de março. Na mesma publicação, também foi designado o Padre Sérgio Eduardo Ochoa Aranda, FDP como vigário paroquial.

Texto: Leonardo Teodoro
Fotos: Márcio Ribeiro Ferreira