terça-feira

, 23 de abril de 2024

Participantes do 8º Fórum Social pela Vida enviam Carta de Solidariedade a Dom Vicente

01 de dezembro de 2022 Arquidiocese

Reunidos em Carandaí (MG) dos dias 24 a 27 de novembro, os 260 participantes do 8º Fórum Social pela Vida aprovaram e enviaram uma Carta de Solidariedade ao Bispo-Auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte (MG), Dom Vicente de Paula Ferreira C.Ss.R, vítima de ameaça de morte no último dia 12 de novembro. O documento foi proposto pelo Eixo Ecologia Integral do Fórum Social pela Vida e aprovado durante a plenária geral do dia 26 de novembro.

Dom Vicente era um dos nomes confirmados pela equipe organizadora do Fórum para assessorar o painel sobre “O cuidado com a Casa Comum”, ocorrido no dia 25. Entretanto, devido aos últimos acontecimentos e por questões de segurança, ele não pôde estar presente. Vale lembrar que na sétima edição do evento, realizada em 2019 em Barão de Cocais (MG), o bispo esteve presente no Fórum.

Na carta, os presentes nesse Fórum manifestam sua solidariedade diante das agressões que Dom Vicente sofreu e seus desdobramentos por viver e testemunhar sua fé como Pastor do Povo de Deus, “colocando-se, na fidelidade do seguimento a Jesus Cristo, na defesa da dignidade humana, a partir dos pequenos, e no cuidado para com o meio ambiente, nossa casa comum, na linha da ecologia integral”.

Por fim, eles destacam que o bispo não está sozinho: “Continue, Dom Vicente, sendo essa voz firme, acompanhada de ações proféticas, no compromisso com a defesa da vida humana e da Mãe Terra, nossa Casa Comum. Assim como nos disse que éramos mais em Barão de Cocais, somados às 272 vítimas em Brumadinho, sinta também que não está sozinho. A agressão à sua pessoa é também a todos nós, a toda a Igreja”.

Leia a carta na íntegra:

Carandaí, 26 de novembro de 2022.

Prezado amigo e irmão Dom Vicente,

Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte

Saudações!

 

Nós, participantes do 8º Fórum Social pela Vida da Arquidiocese de Mariana, reunidos em Carandaí nos dias 24 a 27 de novembro, queremos, com esta carta, manifestar nossa solidariedade diante das agressões que sofreu e seus desdobramentos por viver e testemunhar sua fé como Pastor do povo de Deus, colocando-se, na fidelidade do seguimento a Jesus Cristo, na defesa da dignidade humana, a partir dos pequenos, e no cuidado para com o meio ambiente, nossa casa comum, na linha da ecologia integral.

Fazemos grata recordação de sua presença em nosso 7º Fórum Social, realizado em Barão de Cocais, há três anos. Ainda fazem eco em nossos corações e em nossas ações suas palavras proféticas em relação à mineração predatória e seus impactos ambientais e sociais. Impressionou-nos muito aquele momento em que nos apresentou cruzes e fotos das vítimas em Brumadinho nos dizendo que também eles se faziam presentes no 7º Fórum Social que refletia à luz do tema: “A terra clama por justiça e os pobres, por direitos”.

Aguardávamos, com grande expectativa, sua presença nesse 8º Fórum Social pela Vida nos ajudando a refletir, à luz da Laudato Sí, do Papa Francisco, sobre “o cuidado com a Casa Comum”. Mas entendemos que, por medida de segurança, em momento de grande conturbação, não foi possível contar com sua presença nesse Fórum social.

Entre os nossos propósitos com 8º Fórum Social que traz como tema e lema: “Lutar por justiça e construir fraternidade – A sociedade do bem viver em nossas mãos” está o de renovar nossas forças e ampliar nossas lutas na defesa da Casa Comum e da luta pela regeneração da Bacia do Rio Doce e, em solidariedade, pela regeneração da Bacia do São Francisco, no Paraopeba. Tudo está interligado.

Continue, dom Vicente, sendo essa voz firme, acompanhada de ações proféticas, no compromisso com a defesa da vida humana e da Mãe Terra, nossa Casa Comum. Assim como nos disse que éramos mais em Barão de Cocais, somados às 272 vítimas em Brumadinho, sinta também que não está sozinho. A agressão à sua pessoa é também a todos nós, a toda a Igreja.

Saiba que nos somamos ao Senhor, em solidariedade, junto com uma grande multidão, com a coragem que vem da fé, para continuar servindo, sem medo, no caminho da sociedade do bem viver que sonhamos tornar realidade como sinal do Reino de Deus entre nós.

Receba, como de irmãos e irmãs, nosso abraço fraterno e solidário, com a estima e o apreço de sempre,

Participantes do 8º Fórum Social pela Vida da Arquidiocese de Mariana

PDF da Carta de Solidariedade a Dom Vicente – Participantes do 8º Fórum Social pela Vida

Veja também:

Carta Compromisso do 8º Fórum Social pela Vida é aprovada pelos participantes

Agenda