sábado

, 20 de abril de 2024

Processo de restauração da imagem do Senhor dos Passos da Catedral será revelado aos fiéis nesta Semana Santa

22 de março de 2024 Arquidiocese

Os fiéis que acompanharem a procissão do Depósito do Senhor dos Passos na Segunda-feira Santa em Mariana (MG), terão uma surpresa quando o velário que cobre a imagem for retirado. A representação de Cristo a caminho do Calvário, que durante o ano fica exposta na Catedral Basílica Nossa Senhora da Assunção e sai às ruas na Semana Santa, foi totalmente restaurada e será revelada aos fiéis pela primeira vez na próxima segunda-feira, 25 de março, na Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos.

A apresentação da imagem acontece após a procissão do Depósito, que conduz o Senhor dos Passos da Catedral à Igreja do Rosário. Antes da procissão será celebrada, às 19h, na Sé, uma missa, quando a imagem permanecerá coberta. Apenas no final do trajeto da procissão que o velário será retirado e os fiéis poderão contemplar em toda a sua beleza a imagem que há quase 300 anos é parte do imaginário de fé da Primaz de Minas.

O trabalho de restauração foi realizado pelo arquiteto e restaurador Arthur Coelho e contou com recursos do Fundo Municipal do Patrimônio Cultural via Conselho Municipal do Patrimônio Cultural de Mariana (COMPAT). Arthur já havia participado da restauração dos elementos artísticos integrados da Catedral, entre 2020 e 2022.

Detalhe da recomposição dos dedos da imagem do Senhor dos Passos. Imagem: Pe. Geraldo Dias Buziani

Para o Pároco e Reitor da Catedral Basílica, Padre Geraldo Dias Buziani, este momento representa uma grande alegria para a comunidade católica de Mariana. “Os fiéis aguardam com grande expectativa a contemplação da imagem restaurada do Senhor dos Passos”, disse.

Após a chegada da procissão na Igreja do Rosário, será realizado o Sermão do Pretório, conduzido pelo Bispo Emérito de Sete Lagoas (MG), Dom Aloísio Jorge Pena Vital. A imagem do Senhor dos Passos permanecerá exposta para veneração até a noite de terça-feira, dia 26, quando será celebrada uma missa, presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Mariana, Dom Airton José dos Santos.

Ao fim da celebração, a imagem de Nosso Senhor dos Passos será novamente conduzida em procissão para a Praça Minas Gerais, onde acontecerá o encontro com imagem de Nossa Senhora das Dores, que virá em procissão da Capela de Nossa Senhora de Nazaré, na Cartuxa.

O Sermão do Encontro será proferido pelo então Pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Piedade, de Barbacena, Monsenhor Danival Milagres Coelho, nomeado Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Goiânia (GO) em fevereiro.

Tradição

Saída da procissão do Depósito da Catedral de Mariana na Semana Santa de 2023. Imagem: Pedro Henrique Hudson

A tradição da Festa dos Passos em Mariana remonta à primeira metade do século XVIII, quando a Vila do Ribeirão de Nossa Senhora do Carmo se encaminhava para se tornar o centro da religiosidade mineira, com a criação do bispado em 1745.

Inicialmente, a Procissão dos Passos acontecia em celebrações separadas da Semana Santa. Existem registros históricos que apontam para a sua realização no 5º Domingo da Quaresma e também na sexta-feira que antecede a Semana Santa, hoje conhecida como Sexta-feira das Dores.

A organização das festividades ficava a cargo da extinta Irmandade do Senhor dos Passos, que realizava o depósito na Igreja do Rosário. A imagem de Nossa Senhora das Dores, conduzida pelos seminaristas, saía da Capela da Boa Morte, no antigo seminário que hoje abriga o Instituto de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal de Ouro Preto (ICHS/UFOP). Após o Encontro, na Praça Minas Gerais, a imagem de Maria retornava para o seminário na Procissão da Soledade, relembrando a solidão da Virgem após a prisão e morte do seu filho.

Em tradição que ainda hoje é preservada na primeira cidade de Minas, o dia do Encontro é marcado por procissões que visitam as pequenas capelas dos Passos espalhadas pelo centro histórico, revivendo a Paixão de Cristo em motetos alusivos à agonia e morte de Jesus.

A Procissão da Soledade será realizada na quarta-feira, dia 27, após a missa das 19h na Igreja de São Francisco de Assis.

A programação completa da Semana Santa 2024 está disponível AQUI.

Texto e fotos: Pedro Henrique Hudson

Veja também: Mariana se prepara para as celebrações da Semana Santa de 2024, trazendo novidades em sua programação.

Agenda