segunda-feira

, 22 de abril de 2024

Seminaristas da Arquidiocese de Mariana contam como foi ver o Papa Francisco

04 de agosto de 2023 Arquidiocese

O dia 03 de agosto de 2023 ficará marcado na memória do grupo de oito seminaristas da Arquidiocese de Mariana presentes na Jornada Mundial da Juventude (JMJ 2023), em Lisboa, como a data em que conheceram o Papa Francisco. O momento aconteceu nesta quinta-feira, durante a acolhida do Santo Padre aos jovens.

“É, de fato, um momento único, inesquecível: vê-lo de perto, não só nas televisões, foi um momento incrível que jamais será esquecido na memória. Essa JMJ e Portugal ficarão marcados eternamente no coração porque encontramos com o Papa Francisco”, expressou sua alegria o seminarista Nillo da Silva Neto, do 2º ano de Teologia.

O seminarista Moisés e o Papa.

Já o seminarista Moisés Galinari Tôrres, do 3° Ano de Teologia, descreveu a ocasião como incrível. “Foi um momento de renovarmos a nossa comunhão com o Santo Padre, sucessor de Pedro, e de vivermos este momento com toda juventude católica reanimando o nosso sim no seguimento a Jesus Cristo, Nosso Senhor”, disse.

Participando da JMJ 2023 desde o dia 1º de agosto, durante o evento, os seminaristas levaram e distribuíram santinhos com relíquias da Beata Isabel Cristina. “Já é um costume, nas Jornadas Mundiais da Juventude, a gente trocar alguma lembrança, alguma fita, alguma relíquia, entre os jovens. Então, o grupo teve a ideia de levar a Beata Isabel Cristina para a gente poder divulgar também a primeira Beata da nossa Arquidiocese”, explicou Moisés.

 

Os seminaristas viram de perto o Papa.

Fotos: arquivo pessoal dos seminaristas

Veja também:

Jovens da Arquidiocese de Mariana participam da JMJ 2023

Agenda