sexta-feira

, 19 de agosto de 2022

“Eu vi o Senhor!”: em artigo, Padre Rosemar explica sobre o Mês Vocacional

05 de agosto de 2022 Arquidiocese

Tradicionalmente, a Igreja Católica no Brasil promove em agosto o Mês Vocacional: período para rezar pelo chamado e missão que Deus confiou a cada um dos seus filhos. Nesse sentindo, o Promotor Vocacional da Arquidiocese de Mariana, Padre Rosemar Marco Condé, preparou um artigo em que explica sobre o assunto. Confira:

Quando falamos em VOCAÇÃO, referimo-nos ao chamado que Deus faz a cada pessoa, com um propósito e um sentido para sua vida nesta terra. A palavra Vocare, em latim, significa chamado. É daí que vem a palavra vocação. Deus é quem chama, seja qual for a vocação autenticamente cristã, ou seja, que tem Cristo na origem e no fundamento. É missão da Igreja trabalhar e promover todas as vocações cristãs. Por isso, em 1981, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) instituiu, em sua 19ª Assembleia Geral, que teríamos um mês dedicado a oração e trabalho em prol das vocações em todo o país: o mês de agosto.

Nossa primeira vocação é o chamado à vida. Todos vivemos pela “Graça de Deus”, conforme nos ensina o Apóstolo Paulo (1Cor 15,10). Pelo Batismo, também somos chamados a sermos cristãos e honrarmos a Deus todos os dias nas nossas ações e palavras. A vida é, assim, o primeiro chamado de Deus, a primeira vocação. Além desse chamado, há também chamados específicos a uma missão ou num estado de vida peculiar, o que chamamos de vocações específicas. Por isso, no mês de agosto, a cada domingo tem destaque uma vocação específica:

  • O primeiro domingo é dedicado à vocação para o ministério ordenado, devido à proximidade com a memória de São João Maria Vianney, patrono de todos os sacerdotes, celebrada em 04 de agosto juntamente com o Dia do Padre;
  • O segundo domingo é dedicado à vocação familiar, pela proximidade com o Dia Dos Pais;
  • O terceiro domingo é a vocação religiosa (Dia da Vida Consagrada);
  • O quarto domingo é a vocação dos cristãos leigos e leigas (Dia dos Ministérios Leigos).
  • Quando há um quinto domingo no mês de agosto, será o Dia do Catequista, homenageando àqueles que dedicam a vida a ensinar aos outros o caminho de Cristo.

Neste ano, o tema escolhido para esse período é “Cristo Vive! Somos suas testemunhas” e o lema: “Eu vi o Senhor!” (Jo 20,18). Somos convidados a experimentar essa realidade central na vida do cristão: “Cristo está vivo”, não somente experimentá-la, mas também testemunhar e anunciar ao mundo que Ele vive. Para isso, somos inspirados pelo exemplo de Santa Maria Madalena, que teve pressa em anunciar essa Boa- Nova: “eu vi o Senhor”. Aqui está o sentido de toda vocação cristã: sermos bons discípulos missionários de Jesus Cristo, no nosso tempo e na nossa história.

Roguemos a Maria, Mãe das Vocações, que interceda ao Pai pelas vocações na vida da nossa Igreja e que tenhamos generosas e santas vocações a serviço da vida e do Evangelho, que anunciem a todos a Boa- Nova do Reino de Deus. Rezemos pelas vocações e sejamos todos promotores vocacionais onde Deus nos colocou.

Texto: Pe. Rosemar Marco Condé – Promotor Vocacional da Arquidiocese de Mariana

Veja também:

Após dois anos, Encontros Vocacionais voltam a acontecer presencialmente

“Cristo vive! Somos suas testemunhas”: disponível para download subsídio sobre o Mês Vocacional

Mês Vocacional: 1º Domingo de agosto é dedicado aos ministros ordenados

Confira o vídeo de Dom Airton sobre o Mês Vocacional AQUI

Agenda